O comum nessa época do ano é falar dos grandes lançamentos, mas será que existiriam estes jogos que queremos tanto, como “A Way Out”, “Dragon Ball Fighter Z” ou “Far Cry 5”, se não fosse a influência de outros no passado? Certamente não! Às vezes, é até difícil acreditar que certos jogos já completaram uma década de lançamento, e esta lista compila alguns que merecem ser relembrados.

Devil May Cry 4

O hack’n’slash da CAPCOM protagonizado por Nero foi o primeiro jogo da franquia a ser lançado em várias plataformas. Cronologicamente, o título se situa entre “Devil May Cry” 1 e 2, e sua versão remasterizada foi lançada nos consoles da geração atual Xbox One e PlayStation 4.

Army of Two

“Army of Two” é um shooter da EA que se destaca pelo seu foco na jogabilidade cooperativa. Uma dupla deverá se ajudar por cenários de guerra, contando com armas customizáveis e veículos. O título estará disponível gratuitamente no Games With Gold, para assinantes do serviço do Xbox One e Xbox 360 durante o mês de Janeiro.

Tomb Raider: Underworld

Tomb Raider Underworld

Outro jogo disponibilizado em Janeiro pelo Games With Gold, “Tomb Raider: Underworld” é, digamos, a última aventura da Lara Croft “clássica”, (que hoje, aparece nos spin-off cooperativos “Lara Croft and the Guardian of Light e “Lara Croft and the Temple of Osiris”). Em Underworld, vemos Lara tentando reencontrar sua mãe, que aparentemente está presa no submundo nórdico.

GTA IV

Retorne à  Liberty City em “GTA IV”. Desta vez, o jogador controla Niko Bellic, um entendiante protagonista felizmente cercado por ótimos personagens, num ótimo jogo trazendo com maestria tudo que fez a franquia famosa, com excelente história e um mundo aberto bem construído.

Metal Gear Solid 4: Guns of the Patriots

Mais um tiro certeiro de Hideo Kojima, “Metal Gear Solid 4” traz o protagonista Solid Snake prematuramente envelhecido, numa caça a seu arqui-inimigo Liquid Snake. O jogo se destaca pela excelente recepção da crítica, obtendo nota máxima em diversas reviews feitas na época de seu lançamento.

Braid

“Cuphead” pode ser a sensação de jogo plataforma indie, mas de dez anos atrás, era “Braid” que daria o que falar! A combinação entre plataforma e quebra-cabeças, marcada por um senso de humor peculiar faria do jogo um marco na visibilidade dos jogos independentes. Certamente, é um dos jogos independentes mais importantes a ser lançado.

Star Wars: The Force Unleashed

Nem sempre a Força esteve com todos jogos de Star Wars… Mas “The Force Unleashed” ainda é um dos mais consistentes que já vimos! O título tem um capítulo de introdução para tirar o fôlego, onde controlamos ninguém menos que Darth Vader – uma forma muito eficiente de nos deixar ansiosos para deixarmos o protagonista um dia naquele mesmo nível de poder.

Dead Space

Dead Space

O aterrorizante início da trilogia “Dead Space” é, de longe, seu melhor capítulo. Tensão, história e surpresas marcam o começo da jornada de Isaac Clarke, que lutará contra grotescas criaturas a bordo da USG Ishimura. É como se pegássemos o melhor do terror dos “Resident Evil” e “Silent Hill” clássicos e misturássemos com “Star Trek”.

Mirror’s Edge

No belo “Mirror’s Edge”, você é Faith Connors – uma mulher que usa suas acrobáticas habilidades para correr e pular pelos arranha-céus de uma metrópole controlada por um regime totalitário. As habilidades em parkour de Faith também poderão ser usadas para incapacitar guardas armados, caso você realmente não tenha em algum momento para onde correr.

Mortal Kombat vs. DC Universe

Enquanto “Mortal Kombat vs. DC Universe” tem uma reputação um tanto controversa, por seus fracos Fatalities e violência diminuída para que o jogo não fosse censurado, ainda era um jogo de luta com uma ótima ideia. De fato, seu potencial foi atingido anos depois, com o lançamento de “Injustice”, que seria o jogo de luta apenas com personagens da DC.

E aí, gostaram dos 10 jogos que completam uma década de lançamento esse ano?