Do diretor, vencedor do Oscar, Clint Eastwood (“Sniper Americano”, “Menina de Ouro”) chega o drama da Warner Bros. Pictures, “Sully – O Herói do Rio Hudson”, estrelado pelo vencedor do Oscar Tom Hanks (“Ponte dos Espiões”, “Forrest Gump – O Contador de Histórias”) no papel do Capitão Chesley “Sully” Sullenberger.
 
Em 15 de janeiro de 2009, o mundo testemunhou o “Milagre no Hudson”, quando o Capitão “Sully” planou com seu avião danificado até cair nas águas geladas do Rio Hudson, salvando as vidas dos 155 passageiros a bordo. Contudo, apesar de Sully ser saudado pelo público e pela mídia por seu feito sem precedentes na história da aviação, inicia-se uma investigação que ameaça sua reputação e sua carreira.
 
“Sully – O Herói do Rio Hudson” também é estrelado por Aaron Eckhart (“Invasão à Casa Branca”, “Batman – O Cavaleiro das Trevas”) no papel do copiloto de Sully, Jeff Skiles e a indicada ao Oscar Laura Linney (“A Família Savage”, “Kinsey – Vamos Falar de Sexo”, da série de TV “The Big C”) no papel da esposa de Sully, Lorrie Sullenberger.
 
Eastwood dirige o filme a partir de um roteiro de Todd Komarnicki, baseado no livro Highest Duty, de Sullenberger e Jeffrey Zaslow. O projeto está sendo produzido por Eastwood, Frank Marshall, Allyn Stewart e Tim Moore, com Kipp Nelson e Bruce Berman como produtores executivos.
 
O filme reúne Eastwood com vários de seus colaboradores frequentes, que mais recentemente trabalharam com o diretor no sucesso mundial “Sniper Americano”: o diretor de fotografia Tom Stern e o designer de produção James J. Murakami, ambos indicados ao Oscar por seus trabalhos em “A Troca”; a figurinista Deborah Hopper; e o editor Blu Murray. A trilha sonora foi composta por Christian Jacob e The Tierney Sutton Band.
 
A Warner Bros. Pictures divulgou novo vídeo legendado de “Sully – O Herói do Rio Hudson”, que estreia no Brasil em 1º de dezembro. Além de depoimento do diretor Clint Eastwood e do protagonista Tom Hanks, o vídeo traz o próprio Chesley “Sully” Sullenberger contando sobre a decisão e o momento de pousar no rio Hudson e evitar uma tragédia.