Para você que ama palhaçaria, você que tem vontade de estudar mais sobre o assunto e, também, para você que tem medo de palhaços, mas adora uma boa leitura e gostaria de tentar se livrar dos traumas de infância conhecendo um pouco mais do que é ser um palhaço, nós trouxemos uma lista super bacana de livros que podem ajudá-los nessas empreitadas.

“O palhaço é lírico, inocente, ingênuo, angelical e frágil. O palhaço não interpreta, ele simplesmente é. Ele não é um personagem, ele é o próprio ator expondo-se, mostrando sua ingenuidade. Na busca desse estado, o ator não busca construir um personagem, mas sim encontrar essas energias próprias, tentando transforma-las em seu corpo. Por tanto, cada ator desenvolve esse estado pessoal, de palhaço, com características particulares e individuais.” ( FERRACINI, Renato. A Arte de Não Interpretar Como Poesia Corpórea do Ator)

Para auxiliar nessa busca pelo Seu palhaço, separamos 7 livros maravilhosos que ajudam a desnudar um pouquinho dessa arte que começou há muito tempo atrás, mas que perdura até os dias de hoje e, certamente, com muito trabalho, suor e sorrisos dos nossos amigos trabalhadores da arte da palhaçaria, seguirá firme e forte por mais alguns milhares de anos.

1- Título: O Elogio da Bobagem – Palhaços no Brasil e no Mundo
Autora: Alice Viveiros de Castro
Editora: Alice de Castro

Esta pesquisa de Alice Viveiros de Castro é um ótimo modo de compreender toda uma trajetória histórica e conceitual sobre o arquétipo do palhaço. Nele dá para notar os diálogos que essa figura cênica traça com outras de outros manifestos artísticos e rituais diversos. Também nos permite observar que os elementos que constituem a história do palhaço correm de modo próprio, não sendo nem exatamente o mesmo processo da história do circo, nem o mesmo processo da história do teatro, tampouco do cinema e televisão, mas, curiosamente, o palhaço é uma figura que transitou em todos esses terrenos de arte e comunicação.

2- Título: Palavra de Palhaço
Organização: Ana Achcar
Editora: Jaguatirica

O livro “Palavra de Palhaço” nasceu de uma pergunta não respondida: do que precisa o palhaço? Resultado de encontros, perguntas e estudos para a formação de palhaço e de palhaçaria de circo, o livro – organizado e produzido sobretudo por palhaços – mostra os encontros que aconteciam na residência artística e na criação de exercícios cênicos a partir de falas, biografias, números, reprises, gags e cenas cômicas reproduzidos no último século no Brasil. O conteúdo foi reunido aos poucos, quase sempre depois de muita procura, cruzando dados coletados com dicas esparsas de profissionais da área. Nesse sentido, o livro celebra a palavra do palhaço e, através dela, busca-se o compartilhamento de tradições e trajetórias revividas nas narrativas, nas conversas e na redescoberta do poder do sorriso.

3- Título: A Nobre Arte do Palhaço
Autora: Marcio Libar
Editora: Edição do autor – Patrocínio Petrobrás BR

O livro encontra-se esgotado, mas é possível achá-lo em sebos. Trata-se de uma narrativa autobiográfica da jornada do autor que o transformou no palhaço que é hoje. Ele revela ainda suas impressões sobre vários outros palhaços importantes no mundo.

4- Título: Circos e Palhaços Brasileiros
Autora: Mario Fernando Bolognesi
Editora: Cultura Acadêmica

“Circos e palhaços brasileiros” apresenta, em forma de catálogo, documentação iconográfica e escrita de alguns circos brasileiros e seus palhaços. De outubro de 1997 a julho de 2000, foram visitados diversos circos, em várias regiões do País, com o objetivo de documentar parte dos circos brasileiros e os diversos momentos dos palhaços, dentro e fora do picadeiro, além de resgatar o repertório cênico dos palhaços, envolvendo reprises, entradas, esquetes, comédias e dramas.

5- Título: Palhaços
Autora: Mario Fernando Bolognesi
Editora: Ed. UNESP

Resultado de pesquisa bibliográfica, com viagens por grande parte do Brasil, este livro busca estudar a arte do palhaço tal como ela é no circo nacional, tomando como base a dramaturgia, a interpretação e a encenação. O livro realiza ainda uma recuperação bibliográfica de parte da história do circo moderno, com uma investigação das origens dos palhaços, suas influências e aproximações com o teatro. Nesse sentido, inclui a reprodução escrita de toda uma tradição oral de esquetes e entradas.

6- Título: Meu Clown: Uma Pedagogia Para a Arte da Palhaçaria
Autora: Marcelo Adriano Colavitto
Editora: CRV

O nariz vermelho, com as suas prerrogativas de uso e função social, desperta, de alguma forma, a fragilidade e a compaixão, pois humaniza as nossas ações e revela as nossas fraquezas de modo singelo e poético. É capaz de tocar qualquer um que se permita sensibilizar com ênfase na alteridade com outro ser humano.

7- Título: O Livro do Palhaço
Autora: Cláudio Thebas
Editora: Ed. Companhia das Letras

Neste lançamento da Coleção Profissões, o escritor Cláudio Thebas intercala sua trajetória como palhaço – vocação que descobriu pouco antes dos 30 anos – com a história da profissão. Desde as origens na China e no Egito até as aparições no cinema, Thebas apresenta as anedotas, os personagens mais famosos e as curiosidades do mundo dos palhaços. Por meio de entrevistas – com o Picolino, o Carequinha e o filho do Arrelia – e depoimentos de colegas de profissão, o autor narra a trajetória dos palhaços no Brasil, e ainda descreve o treinamento necessário para quem deseja um dia calçar sapatos enormes e fazer o público morrer de rir.

Esperamos que se deliciem com essas leituras e se quiserem saber mais ainda sobre esse trabalho, podem conferir nessas duas páginas cheinhas de conteúdos e bibliografias interessantíssimas para reforçar sua pesquisa: Circonteúdo e Palavra de Palhaço. Divirtam-se!