No último dia 30 de março aconteceu no Espaço Itaú de Cinemas, em Botafogo, a pré-estreia do longa “Dolores”, uma linda parceria cinematográfica entre Brasil e Argentina (afinal, nem só de rivalidades futebolísticas se dá essa relação, não é?). O filme que chega às telonas nessa quinta feira para narrar a história real de uma mulher transgressora na Buenos Aires do final dos anos 30 (durante a segunda guerra mundial).

O evento reuniu nomes da televisão e da música como Werner Schünemann, Renata Dominguez, Olivia Torres, Letícia Birkheuer e Leo Gandelman. Esse último responsável pela sensível trilha sonora do filme.

O longa, que conta as idas e vindas de um confuso triângulo amoroso, traz em seu elenco a atriz e bailarina argentina Emilia Attias como protagonista, e seus pares: o também argentino Guilherme Pfening e o uruguaio mais brasileiro que existe, Roberto Berindelli.

A pré-estreia teve casa lotada, com a presença de amigos, críticos, imprensa e envolvidos no desenvolvimento do projeto. Antes de iniciar a sessão, atores, produtores e diretor fizeram pequenos discursos agradecendo a presença do público e explicando um pouco sobre a execução do trabalho, rodado no sul do Brasil, que movimentou uma grande equipe das duas nacionalidades. A fala do diretor Juan Dickinson antecipou a sensibilidade por trás do filme, que conta gentilmente uma história inserida em um contexto de dor e guerra.

O filme é uma co-produção da brasileira “Valkyria Produções” (representada por Angelisa Stein) e da argentina “Dar a Luz Cine” (Fernando Musa).

Para saber mais sobre o resultado dessa bonita parceria, confira nossas críticas realizados por nossos críticos de São Paulo e Rio de Janeiro: Crítica 1 e Crítica 2.