Novembro chegou e, além desse “climinha” natalino que amamos, vem também os feriados e esse “pré-verão” que estimula a sair de casa. E para quem quer curtir essa cidade linda e suas opções culturais, vai aqui um resumão dos espetáculos que estarão nos palcos cariocas a partir deste mês.

Ainda com todas as dificuldades que o teatro vem passando (em nível nacional) a cena carioca consegue trazer ao público opções para atender a muitos gostos, bolsos e diversas faixas etárias. Então fica de olho aqui para não dar bobeira (e ainda por cima fortalecer às cias teatrais neste período tão nebuloso).

Kwagalana – Histórias de um príncipe negro

Um menino africano é apontado por um adivinho como futuro Rei em sua terra natal, mas antes que se cumpra a profecia o jovem é raptado e vendido no Brasil como escravo para trabalhar nas Minas. A peça destinada a crianças e adultos usa elementos lúdicos como bonecos, máscaras e brincadeiras para contar a história deste jovem rei e da luta da África para que se concretize a previsão do profeta Ifá. A Trupe Teatral Amadores S/A promete contar com muita alegria uma história que narra um período sombrio da história da humanidade, aproximando o público de questões muitas vezes contadas de forma menos instigante em sala de aula.

Cururu: O Sapo Jururu

Falando de amor romântico e solidariedade, o amor entre o sol e a lua, a busca pela felicidade são alguns dos temas tratados com delicadeza em um espetáculo todo pensado para trazer a cena de forma lúdica tais temas recheados com uma boa trilha sonora autoral e brasileira. O material do cenário e dos figurinos é em parte reciclado, mostrando sua relevância social e ambiental. Não para menos, o trabalho já foi premiado em disputas como o Prêmio SESC/DF e XV concurso literário nacional.

A sala laranja: No jardim de infância

A cena se desenvolve em uma sala de aula de uma turma de jardim de infância. Pais reunidos em uma reunião para deliberar sobre detalhes que envolvem a educação de seus filhos. Ao longo dessa conversa, na defesa de seus interesses, começam a expressar suas próprias frustrações e desejos mais íntimos, tornando a situação uma luta de egos.

Peça Ruim

Um diretor perdido entre uma paixão não correspondida e um processo de montagem teatral entra em crise. Então escreve uma peça na qual descreve o que pensa dos atores de sua cia. Enquanto isso, seu grupo ensaia Édipo Rei, que é contemplada por um edital do estado da Bahia. O problema é que o trabalho só seria agraciado caso os atores fossem todos baianos. Então o elenco carioca decide se apresentar para a banca com sotaque nordestino, dando ao tal diretor a certeza de que nada dará certo.

Modus Operandi

Modus operandi é um espetáculo que traz o passo-a-passo de conduta para sobrevivência em nossos tempos conturbados. Em cena uma narrativas conhecidas mostram seus estranhamentos.

O encontro espiritual de Léon Denis com Joanna de Ângelis

Do autor Paulo Afonso Lima (“Allan Kardec – Um olhar para a eternidade”), o espetáculo narra o encontro entre León e Joana em esferas celestiais enquanto suas vivências na terra são paralelamente interpretadas para o público. O encontro terreno entre os dois jamais aconteceu, mas o encontro celestial traz ao público uma mensagem de fé e amor.

Não querem nossos soutiens

Três amigas, mulheres com vivências distintas se encontram para refletir sobre os prós e contras da emancipação feminina, trazendo questões que incluem a produção independente e a difícil relação moderna com o sexo oposto, sexualidade, tabus, romantismo… Trazendo a tona o questionamento do que vem agora que as mulheres conquistaram sua liberdade.

Imagina esse palco que se mexe

A narrativa se dá sobre os relatos do astrofísico João Ramos Torres de Mello Neto, nascido no Acre. A história é contada relacionando as vivências à conceitos científicos, ressaltando a imensidão do universo diante do homem e o respeito à existência humana.

Agora que você já sabe o que está rolando na cidade, escolha aquela roupa maneira, chame aquela(s) pessoa(s) querida(s) e vá aproveitar (e incentivar) a cena teatral! Para saber mais informações, da um click lá na nossa agenda.

Agenda