“No meio de toda dificuldade existe sempre uma oportunidade.”

Início de ano é aquela época que todo mundo começa a se organizar pra colocar em prática as intermináveis listas de promessas que foram feitas no fim do ano que passou. São mil planos que fazemos pra nossa vida pessoal e outros mil projetos para vida profissional. Tá tudo ali, na ponta do lápis, escrito nas últimas páginas da agenda, anotadas em um caderninho ou ainda em algum aplicativo do celular. Mas será que a gente para pra pensar quais e quantos desses milhões de objetivos que queremos alcançar vão virar metas? Enquanto estamos com as ideias na cabeça ou até anotadas, tudo é apenas sonho. Mas para que esses sonhos se transformem em realidade, eles precisam passar para o próximo estágio que chamamos de metas. Se não for assim, tudo vai continuar na lista de desejos e vai acabar sendo esquecida dentro de uma gaveta qualquer. E não é isso que você quer, né?!

Um poder superior me empurra para uma meta. Enquanto ela não for alcançada eu sou invulnerável, imbatível. Mas, se não tiver mais metas, bastará uma mosca para derrubar-me.”

Segundo um estudo feito pela ONU sobre empreendedores bem-sucedidos no mundo, ter uma meta é a condição primordial para o sucesso. E foi por esse mesmo caminho que o autor Agostinho Nunes Neto seguiu, quando decidiu escrever o livro “Meta – Um significado pra vida”. Com o objetivo principal de mostrar como cada um pode descobrir sua missão específica, ele organizou cuidadosamente cada capítulo, mostrando o passo a passo, para que o leitor consiga desenvolver todo o seu potencial e empreendedorismo, para alcançar o alvo estabelecido.

Se planejamos para um ano devemos plantar cereais. Se planejamos para uma década, devemos plantar árvores. Se planejamos para a vida toda, devemos treinar e educar o homem.”

O livro mostra que traçar metas é muito mais que apenas fixar objetivos e prazos. É também descobrir a própria essência da vida. Felicidade, percepção, paradigmas, mudanças, comunicação, planejamento. Essas são algumas das etapas estudadas com a finalidade de levar o leitor a assumir definitivamente o leme do barco em direção ao rumo que quer tomar. A maior esperança é realizar a missão única que cada ser humano traz e que cabe a ele cumprir. Ouvir atentamente, ter uma correta percepção de si mesmo, transformar problemas em oportunidades, ter persistência, fazer planejamento e ter autonomia, são algumas das ferramentas destacadas pelo autor que vão permitir alcançar o sucesso tão almejado. E esse percurso deve ser gratificante e cheio de sentido, pois é um caminho que leva à realização não apenas profissional, mas também do ser humano como um todo. Para Agostinho Nunes o caminho da felicidade é esse que está dentro de cada um e percorrê-lo é absolutamente gratificante.

“…Todos querem uma vida feliz. Mas como a carne combate contra o espírito e o espírito contra a carne, muitos não fazem o que querem, mas entregam-se àquilo que podem fazer. Com isso se contentam, porque aquilo que não podem realizar, não o querem com a vontade quanta é necessária para o poderem fazer.”

São quase 180 páginas, com 18 capítulos, que foram escritos em uma sequência lógica do geral para o específico. A linguagem é simples com o propósito de ajudar a estabelecer metas. O livro traz também exercícios práticos para ensinar a traçar, planejar e persistir com a busca de seus objetivos. Com isso, o leitor vai ficando mais perto da realidade de fazer parte dos 5% da população do mundo que têm sucesso, servindo também de modelo para as outras pessoas.

“Somos aquilo que fazemos repetidamente. A excelência, portanto, é um hábito, não um incidente.”

Resenha: Meta - Um significado para a vida, de Agostinho Nunes Neto
10Pontuação geral
Votação do leitor 0 Votos
0.0