Review: Dynasty (S01 Ep11 – “I Answer To No Man”)

Em “I Answer To no Man”, o gancho do episódio anterior é desenvolvido e resolvido no total de minutos. Com Fallon (Elizabeth Gillies) sendo raptada por Iris Machado (Elena Tovar), a narrativa do décimo primeiro capítulo será focada nos esforços feitos pela família Carrington para conseguir a herdeira de volta, sem nenhum arranhão.

Atenção: o conteúdo abaixo possui spoilers do décimo primeiro episódio de Dynasty. Confira os outros reviews aqui.

Por incrível que pareça, de início, o mundo restrito de “Dynasty” não sentiu muito falta de Fallon. Todos com suas atividades, foi somente com a ligação de Alejandro (Luis Fernandez) – nitidamente, estava envolvido no sequestro – que Blake (Grant Show) resolveu tomar alguma atitude. Em troca pela filha caçula, uma grande quantia foi pedida e negociar com o milionário não foi uma tarefa muito fácil.

Para que não saísse prejudicada, nem machucada, todos os reforços da série foram convocados. Steve (James Mackay), que estava pronto para ir se tratar, teve que adiar os planos em prol da irmã. Até Culhane (Robert Christopher Riley), que nunca teve muito espaço com o patrão, virou auxiliar e tomou uma decisão por conta própria para ajudar a ex, apesar da reprovação de Blake.

Com todos reunidos e juntando a quantia necessária, ainda foi necessária uma encenação com a nova chefe da polícia, substituta de Stansfield (Michael Beach). Como Cristal (Nathalie Kelley) não estava sabendo de toda a confusão, ela chamou a possível nova cúmplice da família para jantar. Obviamente, tendo coisas mais importantes para serem resolvidas, a enrolação foi deixada a cargo de Steve.

Claramente, Blake tinha um plano em mente, mas que, por toda a família estar nervosa e preocupada com Fallon, não foi seguido por inteiro. Cristal, que já estava se sentindo culpada pelos episódios anteriores, resolvendo tomar as rédeas da situação e foi por conta própria ao encontro da irmã e do cunhado.

Não é preciso nem dizer como essa ideia era equivocada, visto que em todas as experiências do mundo do entretenimento, quem vai sozinho, geralmente, corre perigo também. Agora, não só precisavam salvar a irmã de Steve, como a CEO da empresa da família. Em vez de perceber o esforço de Cristal, parece que a trégua entre elas acabou prematuramente e voltaram a ser rivais – por parte de enteada, é claro.

O desfecho foi um clássico hollywoodiano. Fallon consegue fugir, mas Cristal fica para trás. Há um duelo entre a mulher de Blake e Alejandro, mas que é decidido quando Iris dá diversos tiros no marido. Esperamos que, desta vez, ele não ressuscite dos mortos de novo.

Além disso, pela milionésima vez, Cristal perdoa a irmã e a ajuda a fugir com boa parte do dinheiro. No final, todos se resolvem, como se fizessem parte de um filme na sessão da tarde – inclusive, Jeff (Sam Adegoke) e o seu atual sogro.

A única parte, de fato, surpreendente do episódio foi a decisão da herdeira Carrington, visto que tudo indicava que ela cairia nos encantos do namorado. Jeff, que achava que tinha conquistado de vez a “amada” e atingir seus objetivos de vingança, ficou surpreso com o discurso solitário da sócia.

O episódio, por inteiro, não decepcionou, mas foi um clichê em todas as possíveis partes. Como dito anteriormente, somente na última cena que foi viável perceber que a protagonista tem voz própria e, como o título indica, não responde a nenhum homem. Será que algum dia alguém conseguirá ter Fallon nas mãos?

Review: Dynasty (S01 Ep11 - "I Answer To No Man")
8Pontuação geral
Votação do leitor 1 Voto
7.5
CLOSE
CLOSE