O Instituto Moreira Salles na Gávea está oferecendo ao público a exposição “Modernidades fotográficas”, nome propício para os cliques que podem definir o Brasil no período de 1940-1960. Podemos apreciar mais de 100 fotografias de grandes nomes. Dentre eles, José Medeiros, Marcel Gautherot, Thomaz Farkas e Hans Gunter Flieg.

A mostra articula através das imagens as transições migratórias de origem operária, a industrialização da nação e trabalha, sobretudo, com a pluralidade que sempre esteve presente no país. Dentre as visões da modernidade encontramos no acervo original e inédito da casa o fotojornalismo, a fotografia industrial, o modernismo e a abstração.

A exposição é indicada para todos aqueles que pretendem entender melhor a diversidade brasileira dos anos 40 até o fatídico AI-5. Desde sempre, o moderno é entendido através de diversas formas. Mas o reforço da industrialização no país efetivou realizações inovadoras. E a importância destes registros na vida nacional não foi pequena. Cada artista, com seu estilo próprio reflete por meio da sua técnica essa representação.

Confira nossa agenda para saber outras informações:

[button color=”white” size=”normal” alignment=”none” rel=”follow” openin=”newwindow” url=”https://woomagazine.com.br/modernidades-fotograficas-exposicao/”]Agenda[/button]


Por Susana Savedra


Apoia-se

Show Full Content
Previous Crítica (3): SOBRE ESTÔMAGOS E BORBOLETAS
Next Crítica (2): A Chegada

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close
CLOSE
CLOSE