Você que é ator, diretor, estudante de teatro ou amante das artes não pode ficar de fora dessa oportunidade. Chega ao Centro Cultural do Banco do Brasil (CCBB/RJ) o “Festival Cena Brasil Internacional” que receberá vários artistas internacionais. Com uma programação bastante diversificada, os espectadores poderão assistir aos espetáculos, participar de palestras e workshop, alguns até mesmo gratuitos.

Conforme o site oficial, o festival emerge no cenário cultural e artístico brasileiro como um grande instrumento de fomento e divulgação das artes cênicas. Muito além de ser uma mostra de teatro, o Cena Brasil tem o compromisso de fortalecer o contexto teatral brasileiro, estabelecendo um rico intercâmbio entre companhias nacionais e internacionais de teatro, proporcionando uma riquíssima troca de experiências entre os artistas durante a sua residência, através de workshops e palestras que elas mesmas ministram e participam.  Como resultado, o teatro brasileiro se desenvolve e o público é brindado com espetáculos de repercussão mundial.

Idealizado pelo diretor e produtor teatral Sérgio Saboya, o festival, que já atraiu mais de 50 mil pessoas em suas últimas cinco edições, tem como grande inspiração mobilizar o público e os artistas por meio de uma imersão no mundo das artes cênicas, criar um precioso espaço de diálogo, transformando o evento em um palco para grandes discussões e reflexões que têm como base uma economia criativa.

Dentro do conceito de encontro, idealizado por Saboya, o Cena Brasil Internacional promove a arte e a cultura como um todo, gerando inúmeras possibilidades de negócio e fortalecimento da cena cultural brasileira, pautados na convergência de instrumentos que auxiliam a construção de um processo de criação criativo e democrático entre artistas e curadores. Esse grande e importante trabalho para a cultura do nosso país, só pôde ser realizado graças à parceria e ao patrocínio  do Banco do Brasil, através de seu Centro Cultural (CCBB), que investem e acreditam no projeto desde a sua primeira edição.

Adiantando a dica de palestras que farão parte da programação:

  • 03 de Junho – de 14h às 17h è

Palestra: Questionamentos sobre a dança

Tema: Questões da dança.
Palestrante(s): Claudia Castellucci (Itália)
Duração: 30 a 40 minutos

Palestra: Realizar o Real | Grupo Espanca!

Tema:  O último trabalho do grupo espanca foi criado a partir de 4 fatos que marcaram a sociedade brasileira recentemente: um linchamento, um atropelamento, um movimento grevista e uma chacina policial. O espetáculo cria tensões entre a realidade social e os dilemas da criação teatral e busca “realizar o real” através de uma experiência simbólica e ficcional.
Palestrante: Gustavo Bones (Brasil)
Duração:  30 a 50 minutos

Palestra: Bate Papo sobre a peça “Mortos Vivos” Foguetes Maravilha

Tema: Bate-papo sobre os processos de criação do grupo Foguetes Maravilha.
Palestrantes: Renato Linhares, Stella Rabello, Felipe Rocha e Lucas Canavarro (Brasil)
Duração: 30 minutos

  • 9 de Junho – de 17h às 18h

Palestra: The Gorki-Theatre and The So-Called Outside 

Tema: Sobre as oportunidades e fronteiras do teatro como lugar de confronto social. De tempos em tempos é discutido: qual teatro pode prover entretenimento? Debate político? Provocações? Preservação de cânones culturais? O grupo Gorki explora suas próprias e novas maneiras de lidar com estas questões. A palestra apresenta um trabalho baseado em exemplos práticos e toca em antigas e novas questões sobre a função do teatro.
Palestrante(s):  Ludwig Haugk (Alemanha)
Duração: 45 minutos

Palestra: Buthoh-MA

Tema: MA tem dois importantes significados no budismo, “vazio” e “espaço entre as coisas”, e é entendido por Endo como uma visão mais profunda da filosofia Butoh, para tornar visível o invisível.
Palestrante: Tadashi Endo (Japão)
Duração: 35 minutos

Palestra: Sexualidade na Contemporaneidade 

Tema: Sexualidade na Contemporaneidade deseja trazer à luz assuntos como identidade de gênero, bissexualidade, disfunção sexual, DST, binário de gênero, transexualidade, iniciação sexual e amor livre, na crença de que assim estará colaborando para uma sociedade mais justa, livre e inclusiva.
Palestrante: Álamo Facó e Manoel Silvestre Friques (Brasil)
Duração: 30 minutos

Palestra: Através da Palavra – O Personagem do mundo 

Tema: Dramaturgia.
Palestrante: Lucia Calamaro (Itália)
Duração: 30 minutos

Isso é só um gostinho do que vem por aí. A programação de palestras, workshops e espetáculos vai até dia 11 de Junho, então inscreva-se logo para garantir uma vaga nessas oportunidades. Para outros detalhes acompanhem a página oficial.

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Adriana Dehoul

Adriana Dehoul é maquiadora, atriz e produtora desde que resolveu seguir seus sonhos na carreira artística. Sem perder a meninisse para as durezas da vida, ela gosta de subir em arvores e viajar ouvindo o canto dos pássaros e as ondas do mar. Deseja compartilhar poesias nesse mundo de inquietações que transborda amor apesar de tudo.

Previous Crítica: Z – A Cidade Perdida
Next Maiara & Maraisa: O feminejo no Rio de Janeiro

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close