Connect with us

Hi, what are you looking for?

Geek

Com Quantos Clichês Se Faz Um Dorama?

Você pode odiar alguns e amar outros. Mas, afinal de contas, com quantos clichês se faz um dorama? A Woo! listou alguns dos mais comuns

Por mais variado que seja o tema abordado, dificilmente um dorama não terá pelo menos um dos clichês que vamos listar aqui. Será que algum é exceção à regra? A Woo! veio mostrar que não.

Você pode odiar alguns e amar outros. Mas, afinal de contas, com quantos clichês se faz um dorama?

Advertisement. Scroll to continue reading.

Um clássico nos romances

Divulgação / Netflix

É super normal esbarrar em uma pessoa, geralmente estranha, cair e acabar beijando sem querer, né? Só que não.

Mas nos doramas, sem importar a nacionalidade, vira e mexe vemos essa mesmíssima cena de várias formas diferentes.

Desse, nem Round 6 fugiu

Divulgação / Netflix

Que coisa é essa que a Ásia tem com órfãos? Tirando nos doramas com foco na questão familiar, de resto 99,9% dos personagens foram abandonados ou perderam os pais tragicamente e, por isso, são traumatizados. Isso é em todos os estilos possíveis, até os de terror que estão em alta.

Lembra do motivo pelo qual Kang Sae-byeok, a amada jogadora norte-coreana 067 interpretada por HoYeon Jung, entrou no Squid Game? Basta puxar um pouco pela memória. Viu só?

Parece a ABNT dos personagens

Divulgação / Fuji Television

Se tem algo repetido, é a configuração de mocinha desajeitada e mocinho perfeito. Tanto, que dá pra contar nos dedos os doramas em que esse não é o caso.

Por que a garota tem que estar sempre tropeçando por aí, quebrando e perdendo objetos, se metendo em enrascadas, ficando em dívida, caindo em armadilhas e levando altos foras, enquanto o cara é cheio das habilidades, inteligente, popular e rico?

Advertisement. Scroll to continue reading.

Geralmente, ela é a “boba” e “comum” e ele é o galã “lindo” e “maravilhoso” que salva a vida dela. Nada justo.

Nada que um hospital não resolva

Divulgação / Netflix

Dorameiros, já reparam que toda vez que há algum problema, ele é discutido na mesa, durante uma bela refeição?

Temos que saber a comida favorita dos personagens e vê-los preocupados com se fulano comeu, pensando no que vão comer mais tarde ou discutindo qual prato é mais delicioso e quem vai pagar.

E quando um personagem está doente ou sofre um acidente (o que sabemos que acontece com certa frequência)? Impressionante como num quarto de hospital tudo é perdoado. O conflito acaba ali, naquele instante.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Esse chega a ser engraçadinho, vai. E também vale tanto para a China, quanto para o Japão e a Coréia.

O mais irritante de todos

Divulgação / SBS

Amar uma pessoa e dizer pra ela que NÃO a ama, que quer distância dela e depois virar as costas e chorar, tudo isso para “proteger”.

Sério? Ridículo. Ainda mais por que nessas cenas, para completar, costumam pegar pesado e humilhar a/o amada(o). Pra quê essa besteira?

Na maioria das vezes, só é necessária uma conversa franca, o que o Oriente dá a impressão de ser inexistente por lá. Não é possível!

Advertisement. Scroll to continue reading.
Leia também: Artistas PcD Que São Brilhantes

Written By

Carioca, geek, dorameira profissional e futura produtora cultural. Quer ser como a Shonda Rhimes

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Uma advogada extraordinária: por que você deveria considerar assistir hoje - Woo! Magazine

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode ler...

Geek

Sabia que tem muitos doramas disponíveis de graça no Youtube? A Woo! separou alguns bem legais para te sugerir

Geek

Vem com a Woo! fazer uma análise do cenário para descobrir quais são os rumos dos doramas atualmente

Listas

Vem com a Woo! conhecer artistas PcD encantadores que não deixaram suas deficiências os impedirem de fazer arte

Reviews

Confira o que a Woo! achou de La Casa de Papel: Coreia, o remake da série espanhola que é um fenômeno mundial

Advertisement