Aos fãs de terror, já aviso que não entendo muito do gênero, vi pouquíssimos até hoje, sou medroso! Mesmo assim, confesso que o trailer de Dominação me chamou a atenção por alguns detalhes que eu não esperava, então, fui conferir!

Na história temos Cameron (David Mazouz), um garoto com cerca de onze anos, que é possuído por um demônio (ou entidade, ou força, mas vou simplificar chamando de demônio) e que agora precisa de ajuda para se libertar. Quando tudo mais falha, Camilla (Catalina Sandino Moreno), uma representante do Vaticano, vai atrás da ajuda do Dr. Ember (Aaron Eckhart) que possui métodos modernos e diferentes para expulsar esses demônios. Existem motivos muito significativos para que Dr. Ember aceite essa missão entretanto, esses eu vou deixar que você mesmo descubra ao assistir.

O que mais chama a atenção do filme, desde o trailer, é a maneira nova de abordar algo velho. Afinal, mesmo não sendo grande conhecedor de filmes de terror, como disse no início, sabemos que existem várias produções que abordam o tema possessão de corpos e coisas do tipo, podendo citar pelo menos dois, “O Exorcista” e “A Chave Mestra”.

O interessante desse, foi o fato de que o protagonista não encara sua missão como algo espiritual ou religioso, mas psíquico, analisando o lado científico. E é através de jogos psicológicos que ele busca as soluções para suas missões, o qual é muito intrigante a maneira como isso se desenrola no filme.Apesar do título, do trailer e do pôster, “Dominação” está mais para um suspense do que um terror. Não digo isso querendo parecer irônico ou crítico, é para você saber o que esperar quando chegar na sala de cinema. Até porque, particularmente, prefiro suspense mas ao ver esses elementos que citei, não imaginava que fosse dessa forma, acreditando que seria terror puro do início ao fim. (Se soubesse, teria ido com menos medo, haha!)

A direção de Brad Peyton deu um ótimo ritmo ao filme, apesar de alguns momentos as coisas se desenrolarem rápido demais. Já em relação ao roteiro, alguns detalhes foram falhos ou incompletos, principalmente no que diz respeito às lutas internas de alguns personagens. Aproveitando para falar sobre  um desses, o trabalho dos atores foi “OK!”, nada de “Uou, como me emocionou essa atuação!” mas, sim, um simples e puro “OK!”. Aaron Eckhart está bem como o protagonista e seu trabalho físico acaba por ser convincente.

Para você, que como eu, pensa duas vezes antes de ver um filme de terror, preocupado com o coração, pode ir assistir sem medo. Até porque você vai sentir um pouco, mas não se preocupe, eu sobrevivi para contar o que achei, então você também vai!

Dominação estreia em todo o Brasil  no dia 5 de janeiro.


Apoia-se

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Tom Dutra

Tom Dutra é ator e formado em Artes Visuais. Além disso, faz desenhos e tem dificuldades em dizer se é cartunista, quadrinista, desenhista ou ilustrador! É apaixonado por animações e quadrinhos. Coleciona trilhas sonoras de desenhos animados e é comum encontrá-lo na rua cantando essas músicas.

Previous Confiram as estreias teatrais imperdíveis de 2017
Next A obra de arte mais cara do mundo

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close