Essa é mais uma missão para os imbatíveis, os invencíveis, os inseparáveis Detetives do Prédio Azul! E dessa vez a missão sai do famoso prédio e os detetives embarcam em uma aventura nas ruas, na galeria, na biblioteca e até em alto-mar! D.P.A. O Filme” saiu da tela da TV e foi para os cinemas, e nós da Woo! Magazine participamos da coletiva de imprensa com vários dos atores presentes, além do diretor André Pellenz e do produtor Sandi Adamiu, que esclareceram várias dúvidas de jornalistas, blogueiros e até de algumas crianças fanáticas pela série que foram convidadas para ver o filme em primeira mão!
No longa, Sol, Bento e Pippo, os pequenos detetives, tem uma missão bem mais arriscada e perigosa do que as que enfrentam no prédio durante a série. Dona Leocádia é enfeitiçada, e o Prédio Azul está correndo o risco de ser demolido.

Como a síndica não está em condições de lutar por ele, acaba ficando nas mãos do destemido trio achar o responsável por toda essa bagunça e salvar o dia, com a ajuda de Severino, o simpático porteiro que sempre faz o possível para ajudar as crianças, e Theobaldo, o bruxo “do bem” e eterno admirador de Leocádia. Transformando a nova Kombi de Severino em seu clubinho móvel, os Detetives do Prédio Azul partem para a maior missão de suas vidas!

E já que estamos falando desses detetives tão queridos, que tal fazermos aqui uma lista com mais cinco detetives que merecem ser lembrados por serem inspiração para a gente?

1 – Hercule Poirot
 Também conhecido apenas como Poirot, o detetive Belga é uma criação de Agatha Christie, e sua primeira aparição foi em 1921, no romance “O misterioso caso de Styles”. É principal protagonista dos livros da escritora, tendo várias de suas histórias adaptadas para outras mídias, como cinema, TV e teatro. Com a cabeça no formato de um ovo, o metódico, rabugento, baixinho, extravagante, mas sempre elegante detetive conquistou inúmeros fãs pelo mundo todo e sem dúvida teve presença garantida em nossa lista.

2 – Tico e Teco
 Aqui a solução para o mistério vem em dobro. A dupla de esquilos surgiu pela primeira vez em 1943 em um desenho do Pluto, mas foi em 1989 que eles mostraram sua capacidade investigativa na série “Tico e Teco e os Defensores da Lei” (Chip ‘n Dale: Rescue Dangers). Eles podem ser pequenos, mas não se engane! Quando se trata de investigar crimes aparentemente sem solução e salvar o dia de vilões como Gatão e Professor Norton Nimul. Não há caso grande nem difícil que essa dupla não possa desvendar!

3 – Columbo

Ao contrário de outras séries policiais, em “Columbo” nós já começamos a história sabendo quem é o vilão e como ele cometeu o crime. O interessante aqui é saber como alguém vai descobrir, já que aparentemente foi “o crime perfeito”. Nosso protagonista é o Tenente Columbo, sempre educado, não apresenta perigo para os culpados, que o julgam distraído sem saber de sua incrível capacidade de perceber detalhes que ninguém mais nota. O detetive, com seu sobretudo surrado e seu velho carro, resolveu dezenas de casos ao longo de vários anos, de 1971 até 2003.

4 – Adrian Monk
 Obsessivo. Compulsivo. Investigativo. Adrian Monk consegue resolver qualquer mistério, contanto que isso não signifique ter que entrar em contato com germes ou objetos desalinhados. Quando a polícia de São Francisco se depara com um crime absurdo, sem nenhuma pista que ajude a resolver o mistério, eles recorrem a Monk, que mesmo com seus medos (entre centenas deles estão: altura, pontes, elevadores e… leite) é o único que tem a capacidade de enxergar além do que os outros veem! O que é uma benção e uma maldição, segundo ele. Entre 2002 e 2009 nessa premiada série, Monk desvendou casos e casos tentando ganhar de volta o distintivo que perdeu.

5 – Sherlock Holmes
 O maior detetive de todos os tempos tinha que fechar essa lista com chave de ouro. Criado por Sir Arthur Conan Doyle, sua primeira aparição foi em 1887 na obra “Um Estudo em Vermelho”. O sucesso do detetive foi tão grande, que quando o escritor resolveu matá-lo, foram tantos protestos por parte dos leitores que ele não viu alternativa a não ser ressuscitar o personagem.

Sherlock é arrogante, racional e não deixa os sentimentos interferirem em sua capacidade de dedução. Tem orgulho de dominar vários assuntos, e seu eterno parceiro nas investigações é o Dr. Watson, um dos poucos que conseguem aturar a personalidade difícil do detetive. Sherlock já ganhou adaptações para quadrinhos, filmes, séries e diversas homenagens, sendo o primeiro nome a ser lembrado quando o assunto é “detetive”!

Após falarmos de tantos detetives, aposto que você está louco para ver algum em ação, então não perca “D.P.A. O Filme” nos cinemas, e inspire-se com essa nova geração! Para os fãs da série uma boa notícia: Os detetives da primeira temporada estão de volta no filme, para dar uma forcinha para os novos imbatíveis! É elementar que além de solucionar o mistério, certamente essa turminha vai fazer com que você se divirta muito!