Evento reuniu celebridades e premiou os melhores da TV

Considerado o Oscar da TV mundial, o Emmy 2016 rendeu, nesta última segunda (21), o prêmio de melhor novela para Verdades Secretas, produção da Tv Globo com autoria de Walcyr Carrasco e direção artística de Mauro Mendonça Filho. A drama também competia com A Regra do Jogo, outra criação da emissora, além de uma telenovela canadense e outra filipina.

Ao subir no palco para receber a estatueta, acompanhado das atrizes Camila Queiroz, Grazi Massafera, Guilhermina Guinle e Agatha Moreira, além dos diretores-gerais André Felipe Binder e Natalia Grimberg, do diretor Allan Fiterman e da produtora de elenco Bruna Bueno, Walcyr afirmou que Verdades Secretas foi um trabalho profundo. E acrescentou:

“Foi uma novela inovadora, que trouxe assuntos polêmicos, como a prostituição no mundo da moda – o famoso book rosa – e a destruição humana causada pelo crack. Foi libertador escrevê-la. Em si só, uma viagem profunda ao meu interior como artista”.

Walcyr Carrasco, autor de Verdades Secretas, grande vencedora da noite como Melhor Novela. (foto: Reprodução/Twitter)
Walcyr Carrasco, autor de Verdades Secretas: grande vencedora da noite como Melhor Novela. (foto: Reprodução/Twitter)

O evento, que aconteceu na Academia Internacional de Artes, em Nova York, reuniu celebridades ligadas ao mundo televisivo. A noite foi guiada por Alan Cumming (The Good Wife) como mestre de cerimônias.

O Brasil foi a nação com maiores indicações dentre as categorias existentes: ao todo foram sete. Mas os países com maiores vencedores foram o Reino Unido e a Alemanha, com três estatuetas cada.

Uma das categorias mais aguardadas da noite foi a de Melhor Atriz. Isso porque Grazi Massafera marcou presença concorrendo ao prêmio por sua atuação em Verdades Secretas. Ela interpretou Larissa, uma modelo que era usuária de crack. A atriz concorria com Jodi Santamaria, Judi Dench e Christiane Paul, sendo esta última a grande vencedora.

Alexandre Nero também participou da premiação concorrendo a Melhor Ator por sua interpretação em A Regra do Jogo. Ele viveu a pele do ex-vereador corrupto Romero Rômulo. Florian Stetter, James Wen também estavam na categoria, mas quem ganhou com maior número de votos foi Dustin Hoffman.

O programa Zorra competiu na categoria Melhor Série de Comédia, mas perdeu para o britânico Hoff the Record. O único sem ligação com as produções Globo, o Adotada, da MTV, concorreu a Melhor Programa de Entretenimento Não-Roteirizado, mas quem levou foi o suíço Allt För Sverige.

Personalidades como Carolina Dieckman, Fabiana Karla e Silvio de Abreu também prestigiaram o evento.

Grazi Massafera disputava Melhor Atriz por Larissa, em Verdades Secretas (Foto: Angela Weiss / AFP)
Grazi Massafera disputava o prêmio Melhor Atriz por viver Larissa, em Verdades Secretas (Foto: Angela Weiss / AFP)
Alexandre Nero concorreu a Melhor Ator por interpretar Romero Rômulo em A Regra do Jogo (Foto: Reprodução/Twitter)
Alexandre Nero concorreu a Melhor Ator por interpretar Romero Rômulo em A Regra do Jogo (Foto: Reprodução/Twitter)

Confira abaixo a lista dos ganhadores da noite de gala:

Melhor ator
Dustin Hoffman  (“Roald Dahl’s esio trot”) – Reino Unido
Alexandre Nero  (“A regra do jogo”) – Brasil
Florian Stetter  (“Nackt unter wölfen”) – Alemanha
James Wen  (“Echoes of time”) – Cingapura

Melhor atriz
Judi Dench (“Roald Dahl’s esio trot”) – Reino Unido
Jodi Sta. Maria  (“Pangako sa’yo”) – Filipinas
Grazi Massafera  (“Verdades secretas”) – Brasil
Christiane Paul  (“Under the radar”) – Alemanha

Comédia
“Dix pour cent”  – França
“Hoff the record” – Reino Unido
“Puppet nation ZA” – África do Sul
“Zorra” – Brasil

Novela
“30 Vies – Samuel Pagé” – Canadá
“Bridges of love” – Filipinas
“A regra do jogo” – Brasil
“Verdades secretas”  – Brasil

Minissérie
“Capital” – Reino Unido
“Nackt unter wölfen” – Alemanha
“Os experientes” – Brasil
“Splash splash love” – Coreia do Sul

Programa de entretenimento não-roteirizado
“Adotada” – Brasil
“Allt för sverige” – Suécia
“Gogglebox” – Reino Unido
“I can see your voice” – Coreia do Sul


Por Michele Matos


Apoia-se

Show Full Content
Previous Saudade do primeiro amor
Next A Série da Doutora

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close