A quinta edição em Lisboa e a terceira em Madrid emplacaram novamente o festival no verão europeu

“De volta ao Velho Mundo!”, é assim que a produção do Rock in Rio começa a falar sobre as edições de 2012 no site oficial: Lisboa, pela quinta vez, e Madrid pela terceira. O verão europeu havia sido “invadido” mais uma vez pelo maior festival de música do mundo, que recebeu um público de 536 mil pessoas e 193 bandas.

Durante os dias 25 e 26 de maio e 1, 2 e 3 de junho, os portugueses receberam no Palco Mundo grandes nomes da música, como: Metallica, Evanescence, Sepultura e Tambours du Bronx, Linking Park, The Offspring, Lenny Kravitz, Maroon 5, Ivete Sangalo, Stevie Wonder, Joss Stone, Bruce Springteen e o fenômeno nacional Xutos & Pontapés.

Além do palco principal, o público também pode curtir os grandes encontros do Palco Sunset, como Rui Veloso + Erasmo Carlos e Xutos & Pontapés + Titãs; e no palco de música eletrônica, na época patrocinado pela cerveja Heineken, como o da dupla americana The Martinez Brothers.

Em Lisboa, foi lançada a Street Dance, um espaço dedicado à arte e dança urbana. O espaço foi um sucesso das tardes do festival e virou mais uma atração fixa em todas as edições até hoje.

Nos dias 30 de junho e 5, 6 e 7 de julho, foi a vez dos espanhóis receberem, pela terceira vez, o RiR. A diversidade nas atrações, que se iniciou em Madrid em 2008, virou a marca do line-up do festival. E em 2012, não foi diferente.

Lenny Kravitz subiu novamente no Palco Mundo, sendo a principal atração do dia 30 de junho. Dia 5 de julho, Madrid recebeu o extinto trio sueco do Swedish House Mafia (que havia lançado naquele ano uma das suas músicas de maior sucesso: “Don’t You Worry Child”), além de Amaia Montero, El Último Vagón, Calvin Harris e a rainha de Barbados, Rihanna.

O dia 6 de julho foi chamado de “dia da eletrônica”, pois todas as atrações eram do gênero. Os maiores destaques foram o cantor cubano Pitbull (conhecido por vários hits, dentre eles “Give Me Everything”, “International Love” e “Live this Moment”) e os DJs Afrojack e David Guetta (dono dos sucessos “Sexy Bitch”, “Work Hard, Play Hard” e “Titanium”).

Fechando a edição, no dia 7 de julho, subiram ao palco atrações como o Deadmau5 e os americanos do Red Hot Chili Peppers, que estarão mais uma vez no Palco Mundo em 2019.

Esta foi a última vez que o Rock in Rio teve duas edições na Europa, e também foi a última que rolou em Madrid, já que ainda não anunciaram uma nova edição lá. A missão de fazer dois festivais no mesmo ano só voltou a acontecer em 2015, nas cidades de Las Vegas e do Rio de Janeiro.