A atriz mineira também estará na nova montagem da peça “Entre o Céu e o Inferno”

Nego do Borel lançou recentemente o vídeo da musica “É sim ou não BB” em parceria com Du Farol MC. O clipe conta com a produção de Papatinho. Além dos cantores, o clipe tem como protagonista a atriz Carla Purcina, que interpreta uma bela jovem de família rica que se apaixona por um artista de sinal. Na música fica claro que, embora os dois estejam apaixonados, a diferença de classe social pode atrapalhar a relação. 

Carla Purcina é uma atriz mineira de apenas 25 anos, graduada em Teatro – Licenciatura pela UFMA e pós-graduada em Dança Educacional pela CENSUPEG. A atriz já atuou em diversas peças teatrais desde 2005. Em 2012, foi indicada na categoria melhor atriz coadjuvante no IV Prêmio SATED com a personagem Ana Rosa do espetáculo “O Mulato”, uma adaptaçao de Ivy Faladeli para a obra de Aluisio Azevedo. Além do teatro, Carla também participou de produções audiovisuais. Entre os destaques, o curta metragem “Deu Bode”, o longa “Quando o Sol se Põe”, e ainda uma participação no programa da MultishowTô de Graça”, em 2018. Completam o portfólio da atriz espetáculos de dança, performances e intervenções.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Este ano, a multifacetada artista dará vida a dois grandes desafios em sua carreira. A primeira delas é personagem Catarina no filme “Tiro Certo 2: Rio em Chamas“, com direção de Roger Davill – ainda sem previsão de lançamento ou outras informações sobre produção. Já o segundo trabalho que Carla vem se dedicando profundamente, se encontra na nova montagem da peça “Entre o Céu e o Inferno”. Trata-se de um drama psicológico, que utiliza-se de uma estética de cinema para abordar a dualidade entre o bem e mal através da psique das personagens. Na complexa trama, Carla dá vida a problemática Rita, uma prostituta viciada em drogas. A personagem não leva desaforos para casa e promete impactar com cenas fortes e repletas de emoções.

O espetáculo entrará em cartaz em breve no Rio de Janeiro. Com direção de Daniel Gravelli, a peça está com uma campanha de financiamento coletivo no site catarse. 


Sympla

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Amanda Moura

Bibliotecária, doutoranda em História das Ciências, e das Técnicas e Epistemologia. Apaixonada por cinema, séries e cultura em geral. Sem Os Goonies talvez não estivesse por aqui.

Previous Entrevistamos John Bianchi, participante do The Four Brasil 2
Next Além de “The Boys”: 10 séries da Amazon Prime para assistir na quarentena

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close