Connect with us

Hi, what are you looking for?

Literatura

Carta ao Meu Bebê

Oi!
Oi meu anjinho seja muito bem vindo
Seja bem vindo a esta família
Quero que saiba que eu sou a sua mamãe
O seu anjo protetor e que estarei contigo pra sempre em todos os momentos da sua vida incrível
Vou estar ao seu lado quando você sorrir e também quando você chorar
Às vezes vou ter que brigar, mas também vou te acarinhar
Quando brigar quero que saiba que não é por que não te amo
É sim por que não quero que você cresça achando que é o dono do mundo e que as pessoas a sua volta tem que satisfazer os seus desejos, mesmo sendo eles absurdos e desmedidos.
Quero te ensinar como deve caminhar e depois dos seus primeiros passos, vou te acompanhar sempre para que quando você precisar tenha em quem se apoiar.
Quero que saiba que tudo tem limites menos os sentimentos bons
Que o mundo tem coisas nem sempre tão boas, mas que as boas superam e muito as que não são
Que o seu coraçãozinho poderá sofrer um pouco com algumas coisas, pessoas e situações, mas que isso o fará mais forte sempre!
Se precisar chorar, gritar, desabafar eu estarei a seu lado e tentarei ao máximo te fazer enxergar a lição que deve ser aprendida com tudo o que estiver acontecendo.
Nem sempre vou acertar meu amor
Mas saiba que muito vou tentar
Bem vindo ao mundo
Bem vindo a minha vida
E obrigada por existir nela
Obrigada por tudo que já passamos juntos e por tudo que ainda passaremos
Hoje começa o nosso felizes para sempre e quero lhe agradecer por ter me escolhido para fazer parte disso.
Eu te amo!

Written By

Adriana Dehoul é maquiadora, atriz e produtora desde que resolveu seguir seus sonhos na carreira artística. Sem perder a meninisse para as durezas da vida, ela gosta de subir em arvores e viajar ouvindo o canto dos pássaros e as ondas do mar. Deseja compartilhar poesias nesse mundo de inquietações que transborda amor apesar de tudo.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode ler...

Literatura

Fé, ancestralidade e devaneios certeiros formam livro ‘Cem ruínas na esquina da poesia’, de Alvaro Tallarico O jornalista Alvaro Tallarico acaba de lançar o livro...

Filmes

Mostra online e gratuita traz debates, bate-papo com as realizadoras e sarau de poesia De 07 a 11/04, a mostra Mulheres Árabes – Cinema &...

Crítica

Quem nunca sonhou em encontrar o amor da vida num ônibus, no metrô? Andar em algum tipo de transporte coletivo desses e sonhar com...

Literatura

O amor é clichê. A gente vê essa afirmação nas entrelinhas de letras de músicas, filmes, livros e quiçá na vida real. O amor...

Advertisement