“This is us” é um fenômeno nos EUA, se tornou uma das maiores audiências da televisão aberta americana, além disso, recebeu 10 indicações ao EMMY, vencendo o prêmio de melhor ator para Sterling K. Brown. A série conta a história a partir do casal Jack (Milo Ventimiglia) e Rebecca (Mandy Moore), que está gravida de trigêmeos. Além deles, a série dá uma importância há outros três personagens que estão ligados ao casal: Randall (Sterling K. Brown), que foi abandonado ainda bebê e está à procura de seu pai, Kate (Chrissy Metz), que sofre para perder peso e Kevin (Justin Hartley), tentando ser reconhecido como um ator renomado.

Um dos grandes destaques da série, é que apesar de ter uma trama simples, ela te conquista logo nos primeiros episódios, por ter personagens que são aprofundados e que o público acaba se identificando, além disso, o mais impressionante é que todas as cenas têm a sua importância, e a forma que tudo está interligado e conectado é impressionante. A edição da série também vale o destaque, em nenhum momento a série se torna confusa quando mistura passado e futuro, e com um ritmo que não fica monótono.

“This is Us” é emoção o tempo todo, prepare-se para chorar em vários episódios, é uma emoção sem ser piegas e apelativa, há uma identificação com os dramas vividos pelos personagens, quando você perceber já estará fazendo parte dessa grande família. Vale destacar a importância de dois personagens que são muito importantes para o desenvolvimento de alguns de outros personagens: William (Ron Cephas Jones) e Dr. Nathan Katowski (Gerald McRaney), os diálogos deles são incríveis, em muitos momentos levarão a muitas reflexões.

O público brasileiro deveria conhecer essa série, pois a narrativa em muitos momentos lembra a maioria das novelas brasileiras. Pode ter certeza que a produção levará você a muitos momentos de reflexões. Não daremos spoilers aqui, pois perderia a graça, então vá assistir essa maravilhosa série, mas separe o lenço, pois em muitos momentos irá se emocionar, mas pode ter certeza que valerá a pena.


Por Eduardo Chaves


Apoia-se

Show Full Content
Previous Porque todos estão obcecados com Childish Gambino?
Next Crítica: Deadpool 2

1 thought on “Crítica: This is us (1ª Temporada)

  1. Descreveu em ótimas palavras essa série maravilhosa! A foma como This is Us mescla passado, presente e futuro – assim conduzindo as histórias de seus personagens – é cativante! Mantém uma narrativa envolvente até o clímax de cada episódio, o que torna impossível não extravasar a emoção! 👏

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close