Connect with us

Hi, what are you looking for?

Séries/TV

Doctor Who: Porque é tão importante que a nova “Doctor” seja uma mulher

Doctor Who

No último domingo, a BBC anunciou o 13º Doctor, da série britânica “Doctor Who”. Porém, ainda que não surpreendente, o substituto de Peter Capaldi é uma mulher. Ela tem nome e sobrenome: Jodie Whittaker.

“Doctor Who” é uma série de ficção científica britânica, que existe desde 1963. Na trama, The Doctor é um senhor do tempo, original de Gallifrey que usa a TARDIS (Time And Relative Dimension In Space) para viajar no universo e pelo tempo. Ele conta com a ajuda das “companions”, em sua maioria humanos, além de amigos alienígenas. O propósito do Doutor é salvar o mundo, lutando contra seus inimigos e o seu maior adversário: The Master.

Advertisement. Scroll to continue reading.

O Doutor pode se regenerar, e Jodie Whittaker será a 13ª regeneração do mesmo. Toda vez que sofre alguma lesão física, que em humanos seria fatal, o Doutor assume um novo corpo e nova personalidade. Ao mesmo tempo, seus companheiros de viagem também costumam mudar.

A série se divide entre a parte clássica e a parte moderna. A parte moderna começou com Christopher Eccleston no papel do 9º Doutor e sua companheira Rose Tyler (Billie Piper). Após a regeneração, David Tennant surgiu como o 10º Doutor, ainda mantendo Rose ao seu lado.

Doctor Who

Após Rose, as parceiras do 10º Doutor foram Martha Jones (Freema Agyeman) e Donna Noble (Catherine Tate). Na 11ª regeneração, sendo Matt Smith como o Doutor, suas companhias foram o casal Amy Pond (Karen Gillan) e Rory Williams (Arthur Darvill). Após os Ponds, Clara Oswald (Jenna Coleman) assumiu o lugar como companion, acompanhando a regeneração do 11º Doutor para o 12º, interpretado pelo ator Peter Capaldi.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Doctor Who: o Doutor como uma mulher

“Doctor Who” nunca falhou com a representatividade feminina na série. Uma das personagens mais importantes, River Song, é interpretada por Alex Kingston. Até mesmo seu inimigo, o Master, regenerou-se na forma de uma mulher, assumindo o nome de Missy, sendo interpretada pela atriz Michelle Gomez.

Os fãs já pediam para que o Doctor fosse uma mulher. E parte disso se dá pela ampla discussão feminista que vem ganhando espaço no audiovisual. Nunca, na série, foi regra de que o Doutor só poderia se regenerar como um homem, visto que suas regenerações diferem entre si, principalmente na transição de Matt Smith para Peter Capaldi.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Jodie Whittaker é conhecida por seu papel emBlack Mirror”, no terceiro episódio da primeira temporada, intitulado “The Entire History Of You”. “Black Mirror” é outro grande sucesso mundial e se Whittaker foi escolhida para protagonizar uma das maiores séries britânicas dos últimos tempos, é porque é uma boa atriz e capaz de aguentar o peso desse papel.

Advertisement. Scroll to continue reading.

As mulheres sempre ganharam espaço em “Doctor Who”, mesmo que sendo apenas como companions. Porém, isso não desfaz o argumento de que ainda é importante que mulheres protagonizem séries de televisão, até mesmo pela questão da representatividade tão em alta nos dias atuais.

Muitos questionam como deve ficar o relacionamento do Doutor com River, porém nunca houve, na trama, explicações sobre a orientação sexual dos personagens. Todavia, Whittaker e Kingston são capazes de criar uma química entre seus personagens da mesma forma que ocorria enquanto o Doutor era um homem. Além disso, a série permitirá uma visibilidade LGBT na trama, outra discussão extremamente necessária no audiovisual.

Uma mulher à frente de uma série britânica clássica só prova e abre espaço para que outras alcancem os mesmos lugares em outras produções. Também permite certas discussões feministas que precisam ser conversadas, como seu o papel na sociedade, bem como sua relação num espaço antes dominado por homens.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Jodie Whittaker estreia na série no dia 25 de dezembro de 2017, onde ocorrerá a regeneração de Peter Capaldi como o 12º Doutor.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Acredita ser uma criação do Projeto Leda enquanto espera o Doutor com a sua Tardis. É apaixonada por cachorros, gosta de acender incensos, observar estátuas e tomar café. Descobriu que tudo é passível de crítica e desconstrói os enredos das mais de cem séries que já viu, para os leitores da Woo Magazine.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Christopher Eccleston volta à "Doctor Who" em série de áudios | Woo! Magazine

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode ler...

Séries/TV

Suranne Jones e Sophie Rundle, estrelas de “Gentleman Jack” da HBO, compartilharam nas redes sociais o que pensam sobre o cancelamento da série de...

Séries/TV

Revelação no sucesso “Heartstopper” da Netflix, Yasmin Finney, interpretará Rose na próxima temporada de “Doctor Who“. A personagem não aparecia na serie desde 2010,...

Filmes

Como a quarentena se refletiu no audiovisual Quando a OMS classificou como Pandemia a disseminação do Novo Coronavírus, o Covid-19, e indicou que, para...

Séries/TV

Atriz foi a primeira mulher a interpretar Time Lord em “Doctor Who” A atriz Jodie Whittaker se despedirá do papel principal de “Doctor Who”...

Advertisement