Connect with us

Hi, what are you looking for?

Filmes

CCBB exibe mais de 30 filmes sobre a Geração Beat

Geração Beat em mostra de filmes no CCBB

O ano vai começar quente! Não só por causa do verão que chegou com tudo, mas também pela intensa atividade cultural que estreia o calendário de 2017. Entre os dias 6 e 29 de janeiro, o Centro Cultural Banco do Brasil apresenta ao público paulistano uma seleção com mais de 30 filmes (entre curtas e longas-metragens) escritos ou influenciados pela Geração Beat. Marcado por uma juventude hedonista e melancólica, o movimento floresceu nos anos 50 e teve como principais nomes os escritores Jack Kerouac e William S. Burroughs.

Contracultura

Advertisement. Scroll to continue reading.

Geração beat é um termo usado para descrever um grupo de artistas norte-americanos, principalmente escritores e poetas, que se tornaram conhecidos na década de 50 e 60. Eles inspiraram um fenômeno cultural conhecido como Geração Beat ou Movimento Beat. Estes artistas, levavam vida nômade ou fundavam comunidades e foram o embrião do movimento hippie. Os membros dessa geração celebravam a criatividade espontânea e combatiam abertamente o sistema. Eram contra a política de intolerância que vigorou na década de 40 e 50 e que promoveu a chamada “caça às bruxas”, resultando em um período de intensa patrulha anticomunista, de perseguição política e desrespeito aos direitos civis nos Estados Unidos.

O livro “On The Road” de Jack Kerouac é considerado por muitos a mais importante obra da Geração Beat. A prosa de “On the road” é simples, espontânea e politicamente corajosa, mostrando que muitos poderiam demonstrar sua inconformidade e se expressar através da arte sem serem propriamente eruditos. Esse livro teve adaptação de Walter Salles para o cinema (Na Estrada) e está na mostra, que conta com mais de 30 filmes na lista. Ao lado de Kerouac, os autores mais conhecidos do movimento são Allen Ginsberg e William S. Burroughs. Suas obras ajudaram a libertar a literatura americana da censura da época e inspiraram artistas como John Lennon que, inclusive, se sorveu na palavra beat para batizar o famoso grupo musical, The Beatles, que tinha como filosofia o amor ao próximo e a conscientização dos valores dos Direitos Humanos.

Para quem se interessa em conhecer um pouco sobre a Geração Beat e ver como o cinema interpretou ou até mesmo incorporou sua filosofia, esta é a chance de assistir a longas como “Na Estrada”, do brasileiro Walter Salles, “Mistérios e Paixões”, do canadense David Cronenberg, “Drugstore Cowboy”, do americano Gus Van Sant e o premiado “Não Estou Lá”, do também americano Todd Haynes, que estão na mostra.

Advertisement. Scroll to continue reading.

A seleção tem curadoria de Roberta Sauerbronn, que preparou, além dos filmes, uma aula-magna com o escritor Claudio Willer, tradutor dos livros de Kerouac e Allen Ginsberg para o português. A palestra acontece no sábado, dia 7, a partir das 17h. Depois de São Paulo, é a vez dos cariocas conhecerem as obras desses artistas. A mostra estará no Rio de Janeiro entre os dias 8 e 26 de fevereiro.

[divider]Serviço[/divider]

  • Dias: 06 a 29 de Janeiro de 2017
  • Preço: R$5.00 a R$10.00
    Preço(s) Clientes do Banco do Brasil, estudantes, professores da rede pública e maiores de 60 anos pagam meia-entrada, mediante apresentação de documento comprobatório.
  • Local: Centro Cultural Banco do Brasil
  • Endereço: Rua Álvares Penteado, 112, Centro 01012-000 (próximo às estações Sé e São Bento do Metrô)
  • Telefone: (11) 3113-3651

Confira a programação completa em São Paulo:

Sexta-feira, 6 de janeiro

Advertisement. Scroll to continue reading.

17h30 – Viagem mágica (Magic Trip: Ken Kesey’s Search for a Kool Place, Alex Gibney e Alison Ellwood, EUA, 2011, 90 min)
19h30 – Sem destino (Easy Rider, Dennis Hopper, EUA, 1969, 94 min)

Sábado, 7 de janeiro

15h – Na estrada (On the Road, Walter Salles, França/Reino Unido/EUA/Canadá/Brasil, 2012, 137 min)
17h30 – Aula magna com Willer – 120 min.
19h30 – Alma Corsária (Carlos Reichenbach, Brasil, 1993, 112 min)
20h – Noite de autógrafos com Claúdio Willer
Onde: Comuna (Rua Cardeal Arcoverde, 520)
Quanto: Entrada Franca.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Domingo, 8 de janeiro

15h – Próxima parada, bairro boêmio (Next Stop, Greenwich Village, Paul Mazursky, EUA, 1976, 111 min)
17h30 – One Fast Move or I’m Gone: Kerouac’s Big Sur (Curt Worden, EUA, 2008, 98 min)
19h30 – Big Sur (Michael Polish, EUA, 2013, 81 min)

Segunda-feira, 9 de janeiro

Advertisement. Scroll to continue reading.

17h30 – Chappaqua – Almas entorpecidas (Chappaqua, Conrad Rooks, EUA, 1966, 82 min)
19h30 – Häxan – A feitiçaria através dos tempos (Häxan, Benjamin Christensen, Suécia, 1922/1968, 76 min)

Quarta-feira, 11 de janeiro

17h30 – William S Burroughs: Um retrato íntimo (William S Burroughs: A Man Within, Yony Leyser, EUA, 2010, 87 min)
19h30 – Burroughs: The Movie (Howard Brookner, EUA, 1983, 90 min)

Advertisement. Scroll to continue reading.

Quinta-feira, 26 de janeiro

17h30 – Curtas e médias  2 – 73 min.
19h30 – Drugstore Cowboy

Sexta-feira, 27 de janeiro

Advertisement. Scroll to continue reading.

17h30 – Curtas e médias  3 – 74 min.
19h30 – Mistérios e Paixões

Sábado, 28 de janeiro

15h – Alma Corsária
17h30 – One Fast Move or I’m Gone: Kerouac’s Big Sur
19h30 – Big Sur

Advertisement. Scroll to continue reading.

Domingo, 29 de janeiro

15h – Na Estrada (LEGENDAGEM DESCRITIVA)
17h30 – Garota Existencialista
19h30 – Os Beatnik

CURTAS

Advertisement. Scroll to continue reading.

Ah Pook Is Here (Philip Hunt, Alemanha, 1994, 6 min)
A propósito de Willer (Priscyla Bettim e Renato Coelho, Brasil, 2016, 18 min)
Ballad of the Skeletons (Gus Van Sant, EUA, 1997, 5 min)
The Beats: An Existential Comedy (Philomene Long, EUA, 1980, 36 min)
The Cut-Ups (Antony Balch, Reino Unido, 1966, 19 min)
The Discipline of D.E. (Gus Van Sant, EUA, 1982, 9 min)
Gang of Souls: A Generation of Beat Poets (Maria Beatty, EUA/França, 1989, 60 min)
The Japanese Sandman (Ed Buhr, EUA, 2008, 12 min)
Six ’55 (Ruth Du, EUA, 2011, 17 min)
Towers Open Fire (Antony Balch, Reino Unido, 1963, 10 min)
Visão 2013 para Roberto Piva (Priscyla Bettim, Brasil, 2013, 3 min)
William Buys a Parrot (Antony Balch, EUA, 1963, 2 min)
William S. Burroughs: An Animated Portrait (Brian Duffy, EUA, 2007, 2 min)
William S. Burroughs: The Possessed (Philip Weaver, EUA, 2015, 20 min)
Yelp: With Apologies to Allen Ginsberg’s ‘Howl’ (Tiffany Shlain, EUA, 2011, 3 min)


Por Thiago Pach

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode ler...

Filmes

São 57 anos de carreira, 76 de idade, muitos filmes, inúmeros discos e shows, uma quantidade incalculável de entrevistas. E mesmo assim, a impressão...

Crítica

A crise climática, que vem dificultando a vida de milhões de pessoas no mundo inteiro, é amplamente discutida por cientistas e políticos constantemente. Não...

Filmes

Longa de Paxton Winters ainda tem no elenco grandes nomes como Léa Garcia, Jefferson Brasil e Raphael Logam. Estreia 11 de agosto nos cinemas.  Paula...

Filmes

Longa de Gustavo Rosa de Moura ainda tem no elenco grandes nomes como Karine Teles, Mariana Lima, Du Moscovis e Jessica Ellen. Estreia 21 de julho nos...

Advertisement