E Desde a desastrosa conferência de revelação do “Xbox One” na E3, em 2013, muita coisa no console atual da Microsoft mudou. Phil Spencer assumiu a missão de recuperar a reputação da marca, o que tem conseguido nos últimos anos por finalmente ouvir o que os gamers querem.

Um dos grandes marcos nesta virada foi o anúncio da Retro Compatibilidade, na edição de 2015, também da E3. Agora, com o “Projeto Scorpio”, uma variação muito mais poderosa do Xbox One a caminho, além dos games “Play Anywhere” – que podem ser jogados no PC e no console, compartilhando os jogos salvos – fomos surpreendidos com mais um serviço inédito para os jogadores: o Xbox Game Pass.

O serviço garantirá, por uma taxa mensal, acesso a um acervo mais de 100 jogos para “Xbox One” e títulos retro compatíveis de “Xbox 360”. Eles poderão ser baixados e jogados diretamente no console, sem streaming. O custo será de US$9,99 (um preço final para o Brasil ainda não foi anunciado, mas numa conversão direta, seria hoje cerca de 30 R$).

O catálogo de games será constantemente renovado, de forma similar a serviços como Netflix, com novos jogos todo mês enquanto antigos serão também removidos. Estes títulos serão devidamente categorizados na sessão “Leaving Soon” (que poderia ser traduzido como “Saindo em Breve”). A rotação dos títulos será definida de acordo com o feedback dos jogadores.

Presumindo que o preço para os gamers brasileiros seja igualmente baixo, será uma ótima oportunidade de experimentar novos jogos. Um serviço similar já é feito pela “E3 Games”, com o “EA Access”, no entanto o Xbox Game Pass promete um catalogo muito maior, com títulos publicados por outras grandes empresas, como “Warner Bros”. “Interactive”, “Capcom”, “BANDAI NAMCO”, “SEGA” e outros nomes.

A parceria já garantirá ao início do serviço, games como “Halo 5: Guardians”, “LEGO Batman”, “NBA 2k16”, “Payday 2”, “Gears of War: Ultimate Edition”, “Mad Max” e outros.

Assinantes do Game Pass terão também descontos no valor dos títulos no catálogo, caso queiram adquiri-los permanentemente. O serviço é exclusivo do console Xbox One e não será disponibilizado para Xbox 360.

Não foi definida ainda uma data exata para o lançamento do serviço, além de “até o final da primavera de 2017” (ou seja, nosso outono, que vai até março). Assinantes de outro serviço do Xbox, “Games With Gold”, terão acesso antecipado.