Connect with us

Hi, what are you looking for?

Séries/TV

Empoderamento feminino com Think Olga

Foto: Divulgação/Think Olga

Think Olga começou apenas como um projeto em 2013. Nesse ano, foi lançado um site e dentro desse site foi lançada a campanha Chega de Fiu Fiu. Mas foi através do Canal do YouTube do TEDx Talks que conheci a sua fundadora Juliana de Farias.

O TEDx Talks (apenas para contextualizar!) é um projeto independente do TED, para quem não conhece, realmente vale a pena conhecer. Pois, todo ano, os idealizadores do projeto reúnem pessoas que realmente fazem diferença no mundo, seja na educação, no comportamento, no mundo dos negócios ou na internet para falar sobre o que eles mais conhecem, levando assim mais informação para as pessoas.

Advertisement. Scroll to continue reading.

O TEDx Talks já foi realizado em várias cidades, o evento em que Juliana de Farias participou foi em São Paulo no ano de 2015, em que ela falou sobre a Campanha chega de Fiu Fiu, sobre assédio e sobre o empoderamento feminino.

Voltando ao assunto, no site Think Olga é possível encontrar um conteúdo bastante interessante para quem se interessa sobre o assunto, na sua grade é possível encontrar tudo sobre a campanha Chega de Fiu Fiu e a cartilha feita em parceria com a Defensoria Pública do estado de São Paulo. Nessa cartilha, há a explicação com uma linguagem bem simples, sobre o que é o assédio e de que forma as mulheres podem agir ao serem vítimas de um abuso. O material está disponível gratuitamente no site da Defensoria pública de São Paulo.

O principal objetivo do Think Olga é criar um conteúdo que reflita a complexidade das mulheres, as tratando com seriedade e empoderando cada vez mais as mulheres por meio de informação relevante.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Em 2014, o Think Olga tomou um novo rumo, com o crescimento do site e a visibilidade da campanha Chega de Fiu Fiu, e com o objetivo de empoderar ainda mais mulheres o Think Olga criou um Canal no YouTube. O canal aborda diferentes assuntos, todos relacionados ao empoderamento feminino, seja quanto à legislação, aos crimes de internet, entre outros conteúdos que ajudam a pensar sobre questões antes não pensadas, além de mostrar mulheres influenciadoras que podem servir de espelho para outras mulheres poderem fazer a diferença.

Trazendo diferentes quadros, com o objetivo de passar informação diversificada e relevante, é possível contar com o Pergunte a elas, Elas abraçam, Chama que transforma, YES We Cat e Manda Prints.

No quadro “YES WE CAT”, por exemplo, o canal traz diferentes mulheres com as mais diversificadas visões, com o objetivo de trazer informações sobre os mais diferentes assuntos, seja sobre a vida, a maternidade, o trabalho, entre outros. No “Pergunte a Ela”, as informações estão voltadas mais para o trabalho, dando dicas de como criar conteúdo, de como começar um canal no YouTube, entre outros assuntos.

Advertisement. Scroll to continue reading.

No quadro “Chama que transforma” é possível encontrar mulheres inspiradoras para você se espelhar e encontrar novos rumos para a sua vida.

  • A Campanha Chega de Fiu Fiu

Foto: Divulgação/Chega de fiu fiu

A Campanha Chega de Fiu Fiu é uma campanha contra assédio sexual em espaços públicos. De início, foram publicadas ilustrações com mensagens de repúdio a esse tipo de violência. As imagens foram compartilhadas nas redes sociais, gerando uma resposta muito grande e positiva, dando início a um movimento muito maior contra o assédio em locais públicos.

Como o número de mulheres que apoiaram a campanha foi muito grande, a jornalista Karin Hueck resolveu elaborar um estudo online, lançada pelo Think Olga para averiguar a opinião das mulheres em relação às cantadas de rua. Sendo que em apenas duas semanas foram mais de 8 mil participantes, mostrando números surpreendentes, em que:

  • 98% das mulheres já tinham sofrido assédio;
  • 83% não achavam legal;
  • 90% já trocaram de roupa antes de sair de casa pensando onde iam por causa do assédio;
  • 81% já haviam deixado de fazer algo por esse motivo.

Após esses dados foi criado o Mapa Chega de Fiu Fiu, que é uma ferramenta para tornar as cidades mais seguras para as mulheres ao fazer a relação geográfica entre os locais e os motivos que aumentam a ocorrência de casos de assédio em algumas áreas, sempre buscando soluções que mudem essa realidade.

Além disso, está sendo produzido um documentário, chamado “Chega de Fiu Fiu” que pretende ampliar ainda mais o debate sobre ao assédio sexual em locais públicos. Com a direção de Amanda Kamanchek e Fernanda Frazão, o documentário será baseado nos dados de pesquisa e do Mapa da campanha Chega de Fiu Fiu.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Os custos de sua produção ficaram por conta da arrecadação de recursos por meio de um Crowdfunding brasileiro em que os apoiadores podiam contribuir financeiramente para a realização do filme. Com uma meta inicial de R$20 mil reais, alcançada em apenas 19 horas, o projeto arrecadou no seu total R$64 mil reais em colaboração.

Com todas essas informações e um propósito louvável, o Think Olga é o lugar perfeito para você encontrar conteúdo relevante tanto no site quanto no canal do YouTube, sendo um veículo de empoderamento feminino muito importante e crucial no momento de crises de valores em que vivemos.

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Leitora voraz, que faz mil e uma tarefas. Apaixonada por filmes, séries e leitura em geral. Cacheada de nascença e por amor.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode ler...

Música

O sucesso vencedor do Grammy de Whitney Houston, “I Will Always Love You”, é a quarta música dos anos 90 a entrar para o...

Séries/TV

O grupo de humor “Porta dos Fundos“, em parceria com a Amazon Prime, lançou um vídeo em seu canal do Youtube tirando o sarro...

Filmes

“Sementes: Mulheres Pretas no Poder” terá estreia online no Youtube da Embaúba Filmes A Embaúba Filmes estreia amanhã (07), de forma online, o filme...

Séries/TV

“Mundo Mistério”, série documental do youtuber Felipe Castanhari, estreia no dia 4 de agosto, só na Netflix, explorando incógnitas da história e da ciência...

Advertisement

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.