Crianças puderam se divertir em um livro gigante, cheio de ilustrações e histórias para contar

Lendas e fábulas, histórias que juntos com os gibis, costumam ser o primeiro contato de muitas crianças com a literatura. Na Bienal do Livro do Rio de Janeiro, as crianças puderam ver o mundo da fantasia ganhar vida, no estande “Pela Estrada a Fora…”.

Imagem: Divulgação/Bienal do Livro (Créditos: Danilo Andrade)

Se, em um momento, o que encantava os pequenos eram as inúmeras entradas e saídas, como um labirinto, recheado de conhecimento, imerso em uma floresta onde as arvores guardam segredos, em outros, eram atrações musicais, com personagens das histórias fictícias que todos conhecemos, ou uma rápida leitura de poesia (como quando Bráulio Bessa, trouxe toda magia das palavras, para crianças). Em roda, por alguns instantes, as crianças podiam simplesmente se sentarem para ouvir histórias, brincar e assistir a espetáculos.

E no fim, fica o vislumbre da importância de explorar a imaginação das crianças, fazendo delas criativas, apresentando um mundo de histórias para serem contadas, lidas, ouvidas e apreciadas. E quanto mais novas elas são incentivadas, mais gosto elas tomam por esse mundo da fantasia, da leitura e de tudo que envolve esse universo mágico.