Connect with us

Hi, what are you looking for?

Listas

Rock in Rio 2022: Relembre 15 hinos inesquecíveis no festival

Coldplay
Imagem: Divulgação/Coldplay

Nos quase 40 anos de história do Rock in Rio, não faltam músicas inesquecíveis para os amantes da boa música. Relembre com a Woo! Magazine 15 hinos que marcaram a história do festival e ouça a nossa playlist:

Leia também: Rock In Rio 2019: Muse Faz o Encerramento Perfeito do Festival
Leia também: Rock In Rio III: De Volta Por Um Mundo Melhor (Parte 3)

“Love of My Life” – Queen – 1985

Queen
Queen, no Rock in Rio I. Imagem: Divulgação/Rock in Rio

O momento mais lembrado da história do Rock in Rio certamente vem do show do Queen na primeira edição do Rock in Rio, em 1985. Quando a banda tocou a balada “Love of My Life”, foi acompanhada a plenos pulmões pelas 300 mil pessoas. Um momento que deixou a banda visivelmente emocionada no palco.

“Paradise City” – Guns N’ Roses – 1991

Rock in Rio Guns N' Roses
Imagem: Divulgação/Rock in Rio (Crédito: Jornal O Globo – acervo)

Podemos dizer que na edição de 1991 do festival, a banda Guns N’ Roses era a atração mais aguardada. No auge, a banda levou o público ao delírio quando tocou um de seus maiores sucessos, “Paradise City”. Em uma época de shows sem celulares, o público só se preocupou mesmo em se jogar.

“Like Hurricane” – Neil Young – 2001

Neil Young Rock in Rio
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

O canadense Neil Young não era o artista mais esperado da noite, mas fez um show consagrador. Com toda certeza, um dos melhores shows da edição. A versão de 15 minutos de “Like Hurricane” foi tão arrebatadora que algumas cordas da guitarra arrebentaram mesmo.

“Dancing in The Dark” – Bruce Springsteen – 2013

Bruce Springsteen Rock in Rio
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

The Boss já chegou dizendo que não estava ali pra brincadeira ao abrir o show com a clássica “Sociedade Alternativa” de Raul Seixas. A perfeição que foi esse show teve seu auge com “Dancing in The Dark”, que teve até fã no palco cantando junto com ele. Inesquecível.

“Fear of The Dark” – Iron Maiden – 2001

Iron Maiden Rock in Rio
Bruce Dickinson, vocalista do Iron Maiden. Moraes Moreira. Imagem: Divulgação/Rock in Rio (Créditos: FolhaPress/Ana Carolina Fernandes)

O show do Iron Maiden na edição de 2001 do Rock in Rio deixou os fãs eufóricos antes mesmo de começar, principalmente pelo retorno de Bruce Dickinson. E o coro da multidão foi lindo de ouvir quando a banda tocou seu maior sucesso, “Fear of The Dark”. O show foi tão importante que virou álbum duplo no ano seguinte.

“Epic” – Faith No More – 1991

Faith No More Rock in Rio
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

Se você ver qualquer vídeo da performance do Faith No More para “Epic” no Rock in Rio II, verá que a câmera balança muito. A já conhecida energia de Mike Patton e cia foi absurda, levando o público ao êxtase. Um show épico de fato.

“Under The Bridge” – Red Hot Chilli Peppers – 2001

Red Hot Chilli Peppers
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

Red Hot Chilli Peppers já virou figurinha carimbada no festival. Porém, a primeira passagem da banda, em 2001, foi carregada de expectativa. A banda estava no final da turnê do Californication, que foi sucesso absoluto. Fechando o festival, os caras fizeram um show de altos e baixos, mas “Under The Bridge”, com toda certeza, foi o ponto alto do maior público da história do Rock in Rio.

“Freak” – Silverchair – 2001

A banda estava no auge após três discos de muito sucesso e se preparava para gravar o próximo. E os fãs presentes foram privilegiados, já que aquele foi o único show da banda no ano, uma vez que Daniel Johns ficaria doente (de novo). O show foi incrível, o encerramento com “Freak” foi apoteótico e a plateia parecia uma avalanche.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“Crazy” – Aerosmith – 2017

Aerosmith Rock in Rio
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

O show da banda Aerosmith no Rock in Rio teve de tudo. Bons momentos com os grandes sucessos mas também alguns momentos controversos, como o excesso de covers. Um dos grandes momentos foi com certeza o grande sucesso “Crazy”, que o público cantou a plenos pulmões.

“Meu Erro” – Paralamas do Sucesso – 1985

Rock in Rio Paralamas do Sucesso
Herbert Vianna. Imagem: Divulgação/Rock In Rio (Crédito: Acervo O Globo)

A primeira edição do festival foi marcada pela antipatia do público em relação às bandas e artistas nacionais. Num show curto, Os Paralamas do Sucesso não se abalaram e fizeram um dos shows mais elogiados da edição. E o grande sucesso da banda, “Meu Erro”, sacudiu a galera. Lindo de ver e ouvir!

“Viva La Vida” – Coldplay – 2011

Coldplay
Chris Martin, do Coldplay, faz declaração de amor ao Rio no Palco Mundo Imagem: Divulgação/Rock in Rio (Créditos: Marcelo Theobald)

A banda Coldplay tratou o público brasileiro com muito amor e carinho. Da escolha do setlist até as interações durante o show, tudo foi perfeito. Foram muitos os momentos emocionantes, mas “Viva La Vida” foi uma catarse que ficará para sempre na memória do público, e também da banda, que ficou visivelmente emocionada.

“You’ve Got a Friend” – James Taylor – 2001

James Taylor
Imagem: Divulgação/James Taylor

James Taylor na terceira edição do festival foi aquele artista que chegou para surpreender, do mesmo modo que Neil Young. Longe de ser uma atração aguardada, o artista deu o seu melhor e o ápice com certeza foi a plateia cantando “You’ve Got a Friend” junto com ele.

“Take on Me” – A-ha – 1991

A-ha Rock in Rio
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

No auge da carreira, os noruegueses do A-ha fizeram um show sensacional no Rock in Rio II. E com um de seus maiores sucessos, “Take on Me”, a banda ainda arriscou ritmos brasileiros em parte da música. O que parecia inusitado, ficou incrível e levou a galera ao delírio.

“Run The World (Girls)” – Beyoncé – 2013

Beyoncé Rock in Rio
Beyoncé, no Rock in Rio V. Imagem: Divulgação/Rock in Rio (Créditos: Eduardo Biermann)

É comum que os artistas guardem o melhor para o meio ou final do show. Mas a diva Beyoncé fez o contrário. Abriu de forma arrebatadora seu show na edição de 2013, com seu sucesso mais recente na época, “Who Run The World (Girls)”, deixando o público cantar os primeiros versos sozinho. De arrepiar!

“Purple Rain” – Prince – 1991

Prince
Imagem: Divulgação/Rock in Rio

Os dois shows de Prince na edição de 1991 foram tudo que se esperava e mais um pouco. Não deixou ninguém parado, dançou, rolou e ainda protestou contra a Guerra do Golfo, que acontecia naquela época. Um artista excêntrico, que não decepcionou em nada os fãs. “Purple Rain” foi o ponto alto, com um solo monstruoso de guitarra.

E então, curtiu nossa lista? Tem alguma que você acrescentaria? Deixe nos comentários!

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Bibliotecária, doutoranda em História das Ciências, e das Técnicas e Epistemologia. Apaixonada por cinema, séries e cultura em geral. Sem Os Goonies talvez não estivesse por aqui.

2 Comments

2 Comments

  1. Karina Teléfora

    3 de agosto de 2022 at 10:09

    Vi ao vivo duas dessas músicas e confirmo o quanto foi lindo. Me arrepiei inteira quando a Beyoncé entrou no Rock in Rio

    • Amanda Moura

      3 de agosto de 2022 at 15:45

      Show da Beyoncé foi histórico demais!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Você também pode ler...

Música

A organização do Rock in Rio 2022 divulgou uma nota na noite da última sexta-feira, 12, informando que Alcione cancelou sua participação no festival....

Música

Portões da Cidade do Rock abrem em 25 dias para o público Primeiro dia de Rock in Rio será de festa e muito reencontro....

Especiais

Diverso nos ritmos, diverso nos espaços, diverso nas pessoas assim será o Rock in Rio 2022 Um show de diversidade. O Rock in Rio...

Música

MetrôRio, Rock Express e Primeira Classe terão operações para levar o público ao evento Para a edição deste ano do Rock in Rio, que...

Advertisement