Crítica: Dumbo

27 de março de 2019

A imagem do cineasta Tim Burton é ligada aos filmes sombrios. Quando a palavra “sombrios” é colocada separadamente, pode-se entender que a sua obra possui …

Crítica: O Estranho que nós amamos

31 de julho de 2017

Sofia Coppola é a segunda mulher na história a ganhar o prêmio de melhor direção no Festival de Cannes. Até então, apenas a russa Yuliya …

Crítica: O Lagosta

28 de março de 2017

Não seja um solitário, nem um animal Um filme em forma de poesia dramática visual, transbordando ironia sobre relacionamentos, e a livre e espontânea obrigação …

Crítica: Animais Fantásticos e Onde Habitam

16 de novembro de 2016

A magia está de volta   Eis que a espera de três anos, desde o anúncio da produção, acabou e “Animais Fantásticos e Onde Habitam …

Close
Close