Filme continua surpreendendo pela ótima bilheteria, apesar da crítica mista

Venom” chegou aos cinemas com desconfiança pelos fãs do anti-herói do aranhaverso, e para piorar o filme recebeu críticas mistas que polarizavam entre críticos que adoraram o filme e críticos que simplesmente repugnaram o mesmo.

Mas a verdade é que o grande público não costuma ter a mesma visão que os críticos para os filmes, e no caso de “Venom” isso ficou claro. O longa arrastou multidões aos cinemas e já se firmou como o longa do aranhaverso com maior bilheteria para Sony, além de ser o filme do universo do cabeça de teia com maior abertura na China.

E falando em bilheteria o filme já atingiu a incrível marca  de 822 milhões em bilheterias mundias, dessa forma já ultrapassou o primeiro longa do Homem Aranha e o grande sucesso de crítica da DC, “Mulher Maravilha”.

Esse grande sucesso de bilheteria já vem causando rumores de que a Sony estaria interessada em trazer novamente o Homem Aranha para protagonizar filmes no estúdio. Após muita negociação a Sony permitiu que o herói da Marvel passasse a ser utilizado pelo MCU (Universo Cinematográfico da Marvel).

A ideia do estúdio de criar um universo cinematográfico com anti-heróis ao que tudo indica sairá  do papel, principalmente após o exito do longa protagonizado por Tom Hardy. Sendo assim podemos esperar mais Venom nos cinemas e mais anti herois do aranhaverso.

 Sinopse:

Eddie Brock (Tom Hardy) é um jornalista investigativo, que tem um quadro próprio em uma emissora local. Um dia, ele é escalado para entrevistar Carlton Drake (Riz Ahmed), o criador da Fundação Vida, que tem investido bastante em missões espaciais de forma a encontrar possíveis usos medicinais para a humanidade. Após acessar um documento sigiloso enviado à sua namorada, a advogada Anne Weying (Michelle Williams), Brock descobre que Drake tem feito experimentos científicos em humanos. Ele resolve denunciar esta situação durante a entrevista, o que faz com que seja demitido. Seis meses depois, o ainda desempregado Brock é procurado pela dra. Dora Skirth (Jenny Slate) com uma denúncia: Drake estaria usando simbiontes alienígenas em testes com humanos, muitos deles mortos como cobaias.