Connect with us

Hi, what are you looking for?

Crítica

Crítica: Cemitério Maldito

Foto: Divulgação/Paramount

Foto: Divulgação/ParamountPictures

Na onda de releituras de clássicos, o terror é só mais um dos gêneros à entrar no pacote. Bem-sucedidos atualmente, filmes como “It: A Coisa” e ”Halloween” chamaram a atenção por trazerem um terror retro e de qualidade para a nova geração, dando vida nova a obras clássicas. Baseado na obra homônima de Stephen King, “Cemitério Maldito” (“Pet Sematary”), teve sua primeira versão cinematográfica em 1989. Roteirizado na época pelo próprio autor, o filme logo se tornou um clássico do terror.  

Depois de 30 anos, chega aos cinemas, pela Paramount Pictures a releitura desse clássico. O longa traz como principal nome do elenco Jason Clarke (“Exterminador do Futuro: Genesis“) e conta com a direção de Kevin Kölsch e Dennis Widmyer, que já trabalharam juntos outras duas vezes. O roteiro por sua vez é assinado por Jeff Buhler (“Maligno”). Com enredo que respeita a obra original, o longa conta a história da família Creed, recém mudados para uma casa no interior eles descobrem um cemitério de animais em seu terreno e coisas estranhas começam a acontecer. O único que sabe os segredos por traz do cemitério é o vizinho e morador local há décadas, Jud Crandall (John Lithgow). 

Bem construído, tomando toda a base de história que o livro cede, o roteiro segue sem pressa para desenrolar da trama. Em determinado momento a mesma tem um ritmo tão desacelerado, que se torna arrastada. O clima de tensão é trabalhado de forma crescente, devagar a estrutura que fomenta o terror e criada e deixa os melhores momentos e também mais violentos para a parte final da trama.  

Advertisement. Scroll to continue reading.

A direção se utilizando sempre de recursos simples, mas eficazes para criar jumpscares. Enquanto isso, a arte e a fotografia fazem um trabalho minucioso em detalhes nos cenários, principalmente do cemitério e todos os aspectos sombrios que rondam a floresta, podemos perceber isso com a nevoa rente a relva em várias cenas. A maquiagem também tem trabalho fundamental para criar o horror em momentos mais fortes da história. 

Foto: Divulgação/ParamountPictures

 As atuações, por sua vez, não são o grande destaque no longa. Nesse quesito a atriz mirim Jeté Lawrence (Ellie Creed) é quem mais agrada, a mesma consegue trabalhar bem as duas nuances distintas que sua personagem possui no longa. O renomado ator John Lithgow não possui tanto espaço para se destacar, enquanto Jason Clarke tem uma atuação que apesar de segura, é bem genérica dentro do filme. 

Como releitura de um clássico, “Cemitério Maldito” funciona bem em suas referências criadas, enredo montado e desenrolar da trama. Como longa de terror, agrada por não ser mais do mesmo. E no geral é um longa positivo entre  os vários longas lançados semanalmente, mas não ao ponto de ser brilhante. O filme agradará aqueles que procuram terror, agradará aqueles que conhecem a obra original e deve trazer a novos espectadores e a leigos o interesse em conhecer mais coisas dentro das obras de Stephen King. 

Advertisement. Scroll to continue reading.

Fotos e Vídeo: Divulgação/ParamountPictures

Reader Rating2 Votes
6.85
8.5
Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Cursando Produção Cultural atualmente, sempre foi apaixonado por cinema e decidiu que de alguma forma trabalharia com isso. Tendo como inspiração Steven Spielberg e suas histórias que marcaram gerações, escreve, assiste, lê e aprende, para um dia produzir coisas tão grandes e que inspirem pessoas como um dia ele o inspirou.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: O CCBB Rio de Janeiro terá mostra de filmes baseados na obra de Stephen King | Woo! Magazine

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode ler...

Filmes

Papo acontecerá dentro da 16ª Edição do Fest Aruanda do Audiovisual Brasileiro As Lives de Cinema do Projeto de Extensão Aruandando no Campus estão...

Filmes

Segundo informações do Joblo, uma nova trilogia baseada no clássico de terror “O Exorcista” de William Friedkin está chegando. O site ainda informou que...

Filmes

“Rua Do Medo: 1994 – Parte 1” é o primeiro longa da nova trilogia de terror slasher da Netflix Finalmente, está chegando o momento...

Filmes

A sequência do suspense de sucesso da Paramount chega aos cinemas do Brasil em 15 de julho! A Paramount Pictures liberou nesta segunda-feira (dia...

Advertisement