10 de dezembro de 2019

Todos nós somos frutos dos acontecimentos históricos. E deles provêm os valores da sociedade vivida, que ora muda, ora se transforma. Podemos ressaltar diversos momentos críticos no país em que vivemos, porém, é difícil encontrar momentos tão duros na História Contemporânea se os comparamos à crise que acabou levando o Brasil à ditadura de 1964.

Entre euforias futebolísticas quando a seleção brasileira conquistou o título mundial em 1970, ampliada pelo ufanismo da propaganda governamental, a Lei de Segurança Nacional e a Lei de Imprensa que garantiram ao Estado poder ilimitado, a violência da repressão causou inúmeros descontentamentos em diversos setores civis deixando marcas profundas neste capítulo da nossa História.

Qual o significado do Golpe de 64 nos dias atuais?

Devido às crescentes radicalizações políticas, de leigos ou entendidos no assunto, ainda se discute muito a respeito do que “foi o regime militar”. Pensando nisso, a Woo! Magazine resolveu separar e recomendar cinco livros de gêneros distintos para que possamos refletir acerca deste período no Brasil.

  • Alex Polari de Alverga – Inventário de cicatrizes (Poesia)

É fácil encontrá-lo em livrarias de produtos usados, os famosos sebos. O conteúdo é difícil de ler, ainda que seja poético. Talvez seja um daqueles livros pra guardar, conferir e quem sabe, utilizá-lo como fonte de pesquisa. Talvez algumas passagens toquem onde não se deve tocar devido à densidade dos relatos.

São poesias que contam de forma crua, natural e coloquial, o que acontecia nos porões de tortura:

” (…) Havia outros momentos
em que as horas se consumiam
à espera do ferrolho da porta que conduzia
às mãos dos especialistas
em nossa agonia.”

Foi escrito em 1978, ano em que a ditadura ainda estava presente no país.

  • Antonio Siqueira Cheriño – Gregório Bezerra – Toda a história (Biografia)

Conta a trajetória do político Gregório Lourenço Bezerra, desde sua infância em Pernambuco, passando por seu julgamento histórico em 1967 até o seu falecimento em 1983. É uma biografia, porém, boa parte dela conta sobre as aventuras e desventuras das organizações de esquerda que participou este militante histórico. Foi lançado em 1996.

  • Lygia Fagundes Telles – As Meninas (Romance)

Romance da grande escritora brasileira, escrito em 1973, que conta a história de três meninas bem diferentes vivendo juntas em um pensionato de freiras na época ditatorial brasileira. Uma delas, a Lia, é ativista e tem um namorado preso.

  • Lucas Figueiredo – Lugar nenhum – Militares e civis na ocultação dos documentos da ditadura (Jornalístico)

Possui diversas documentações não reveladas sobre o pacto de silêncio firmado entre civis (sobretudo de empresários) e militares a respeito do que aconteceu com muitos dos “desaparecidos” durante o regime. Lançado em 2015.

  • Antonio Carlos Fon – Tortura (Autobiográfico)

Lançado em 1979, é o resultado de pesquisas que duraram mais de seis meses de trabalho, através de todo o Brasil. Cada fato relatado no livro, desde a famosa morte de Herzog a alguns métodos de tortura, pôde ser provado.

Pesquisem e tirem suas conclusões!


Por Susana Savedra

Show Full Content
Previous “Eu não sou seu negro”: todos precisam assistir
Next “Bingo – O rei das manhãs” ganha trailer oficial na CCXP Tour Nordeste

1 thought on “Entenda a ditadura no Brasil: Leia!

  1. ótimo! descobri que li muito pouco sobre a ditadura… pelo menos eu li “O General Góes depõe”, a biografia de um golpista tarimbado em golpismo _esse foi sinistrão! rss Boas dicas, valeu!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close

NEXT STORY

Close

Crítica: Lovelace

19 de agosto de 2017
Close