Sabe aqueles personagens que você sabe que não são exatamente bonzinhos, mas estão no time dos mocinhos? A bússola moral é meio descompassada, mas não tem como odiar? Pois bem, vamos listar agora os 10 melhores anti-heróis das animações. Vale lembrar que o sucesso de bilheteria de “Deadpool” mostra como nossos heróis não tão heroicos estão cada vez mais populares. Afinal, eles não são os vilões, então podemos amá-los também, certo?

10 – Bender Bending Rodríguez (Futurama)

Tudo bem, ele é um robô. Mas Bender é egoísta até a o último parafuso, rude e muitas vezes super violento. Mas podemos dizer que ele realmente valoriza sua amizade com Fry, Leela e os demais, apesar de sempre enviá-los para furadas interplanetárias.

9 – Damian Wayne/Robin (Teen Titans / Jovens titãs)

Nas últimas animações da DC, vimos o arco de história de Damian Wayne ou Damian Al Ghul. Para quem não sabe, ele é filho do Batman com Thalia Al Ghul. Isso o torna neto de Ra’s Al Ghul, inimigo mortal de Bruce Wayne e líder da Liga dos assassinos. Damian cresceu com o avô e seus ensinamentos, digamos, complicados. Agora ele tenta se adaptar a uma nova realidade convivendo com o pai e fazendo parte de uma equipe de adolescentes, os jovens titãs.

8 –  Shrek

Começando do começo, ele é um ogro que odeia todo mundo. Sim, o amor ajudou o verdão a mudar, melhorar, mas volta e meia nos filmes da sequência vemos um lado nem um pouco gentil ou altruísta nos seus atos. Impaciente e irritado, Shrek no fundo tem um bom coração e, por isso, está na nossa lista.

7 – Vegeta (Dragon Ball Z)

Ele veio com total intenção de destruir a Terra e assassinar Goku. Sedento por poder, Vegeta se torna rapidamente um inimigo a ser batido. Mas no decorrer da trama, ele acaba tendo que se unir contra um inimigo em comum e vemos as mudanças no seu comportamento. Presenciamos  até o nascimento do seu amor por Bulma e formação a sua nova família no planeta Terra. Vegeta e Goku são a definição de “amigos e rivais”.

6 – Grunkle Stanley Pines (Gravity Falls: Um verão de mistérios)

Stan se sente preterido pela família desde criança. Não era tão brilhante quanto seu irmão Stanford e, por isso, saiu de casa para ganhar a vida. Porém, os negócios de Stanley eram nada lícitos e ele acabou se refugiando em Gravity Falls mantendo seus pequenos golpes. A chegada dos seus sobrinhos-netos, faz aflorar um lado amoroso que ele tentava enterrar no passado.

5 – Ralph (Detona Ralph/ Wreck-it Ralph)

De começo, ele seria o vilão do seu jogo. Participava até da reunião dos vilões. Mas depois percebemos que Ralph é apenas alguém tentando se ajustar ao meio em que vive e fazer parte da sua comunidade. Sua aventura fora do jogo mostra que sim, ele se importa com muito mais do que apenas derrubar prédios.

4 – Lapis Lazuli (Steven Universe)

Lapis era uma Gem que estava presa em um espelho e foi libertada por Steven. Por Steven, ela tem amor e lealdade, mas não confia nas demais Cristal Gems e tem grande rancor por Peridot por acreditar que é culpa dela estar presa nesse terrível planeta Terra.

3 – Brian Griffin (Family Guy)

O melhor amigo do homem é uma definição comum para um cachorro. Mas Brian foge dos padrões. Tirando Steve Griffin, a quem ele é amigo fiel, Brian usa e abusa  das pessoas ao seu redor. Inclusive o persiana em que teve sua morte na série. Mas voltou para alegria dos fãs.

2 – Benson Dunwoody (Apenas um show / Regular Show)

O cara é cheio de balas, mas está muito longe de ser um doce. Frequentemente, ele estraga a diversão dos funcionários do parque. Persegue diariamente Rigby e Mordecai para pegá-los no flagrante. Ele é chato, mas é um chato querido.

1 – Rick Sanchez (Rick and Morty)

Um avô nada, mais nada mesmo, convencional. Rick tem muitos problemas e distúrbios e uma índole bem nublada. Ele é capaz de se transformar em um picles apenas para não ter que passar uma tarde com sua família. É genial, louco, egoísta, viciado e viciante.

Menções honrosas: Ikki de Fênix (cavaleiros do Zodíaco), Lula molusco (bob Esponja Calça quadrada). Faltou alguém? Conta para gente!