Connect with us

Hi, what are you looking for?

Literatura

Às vezes

Sometimes I buy a book that I won’t read

hoping it will tell me what I haven’t asked

Advertisement. Scroll to continue reading.

de vez em quando eu compro uns livros que não vou ler

esperando que vão me dizer o que nem perguntei

tô escrevendo em inglês porque me disseram que brasileiro não lê

Advertisement. Scroll to continue reading.

engraçado que eu estive na bienal no ano passado e quase sufoquei até achar a cara de Van Gogh no estande dos livros de arte

mas se disseram deve ser verdade

engraçado também que a gente anda rejeitando a voz e as tossinhas

Advertisement. Scroll to continue reading.

e não que 350 ois sejam literatura, mas o que é mais literatura

e a pergunta latente, meu amigo

essa que sopra na orelha

Advertisement. Scroll to continue reading.

é se ando escrevendo quando ando escrevendo

cê me entende?

ando comparecendo ou sou o cônjuge fazendo sexo enquanto faz as contas com o umzinho lá em cima

Advertisement. Scroll to continue reading.

sinceramente não sei

a casa do meu pai tem muitas moradas

e não há um templo no Brasil sem o meu nome

Advertisement. Scroll to continue reading.

não há um monge que não conheça o meu rosto e não tenha me ouvido rezar

mas novamente eu pergunto

a minha voz anda dizendo coisa com coisa das internalidades

Advertisement. Scroll to continue reading.

sabe, eu vejo o rosto de Manoel de Barros tão plástico que posso tocá-lo

e não sei se ele é uma epifania ou se ele zomba de mim

porque eu até posso a casinha com os quintais e tudo mais

Advertisement. Scroll to continue reading.

eu até posso podar as plantas e casar com o rapaz

mas enquanto eu matava aquela barata no escritório vendo ela sumir no branco

eu escutava pelo telefone um seilá que a coisa tá difícil na cidade

Advertisement. Scroll to continue reading.

e eu converso mesmo com o Rio de Janeiro como se ele fosse uma entidade e meu filho, cadê tu

eu fico aqui, eu fico

mas você me dá história

Advertisement. Scroll to continue reading.

você me dá o alimento

que quem faz prece com o meu nome não reconhece

você sabe

Advertisement. Scroll to continue reading.

voltemos ao inglês

I write many stories expecting they will tell me

mas não vou traduzir

Advertisement. Scroll to continue reading.

você puxa da memória o cursinho

já que eu mesma me formei pra antes de 2007 e já desconheço os verbos

a gente nada nada nada e nada

Advertisement. Scroll to continue reading.

água

mas eu quero boiar

de preferência naquela bóia em formato de chinelo que eu acho no shopping e tá esgotada

Advertisement. Scroll to continue reading.

eu quero o canudinho, óculos espelhado e tudo

se puder ser rosa agradeço

porque o bom, meu querido

Advertisement. Scroll to continue reading.

você quer saber quem é o filósofo

filósofo é o maromba de quem você desdenha pelos posts em frente ao espelho

esse sim desvendou a vida

Advertisement. Scroll to continue reading.

você fica evocando Marx e gente que nunca te viu achando que tem importância

o moço do Tinder já havia cantado a pedra

o corpo o corpo

Advertisement. Scroll to continue reading.

nada mais bonito que o corpo

saca

se sentir dentro dele

Advertisement. Scroll to continue reading.

bem dentrinho

não uma partícula flutuante

sentir cada musclinho crescendo nos milímetros

Advertisement. Scroll to continue reading.

ah, que bonito

bonito, sim

(e é nessa hora que casa com a legenda, você pensa que é barbaridade?)

Advertisement. Scroll to continue reading.

me falaram que em Nova Jérsei é bonito.


Por Érika Nunes

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode ler...

Espetáculos

A partir de 3 de maio, a Cia Estúdio Lusco-Fusco, de São Paulo, vai apresentar seu aclamado espetáculo ‘Ilhada em mim – Sylvia Plath’,...

Entrevistas

Nascida e criada no Rio de Janeiro, a artista começou bem cedo na dança e não parou mais. Formada em Comunicação Social na UFRJ,...

Crítica

Antes gênero de pouco prestígio no cinema brasileiro, o documentário encontrou no último século seu nicho. As cinebiografias, como “Vinicius” (2005) e “Chico: Artista...

Literatura

Nas duas últimas semanas, falamos aqui das escritoras nacionais que não podem faltar em nossas estantes. Hoje, as autoras estrangeiras invadem a nossa Bookland...

Advertisement

Ao continuar navegando, declaro que estou ciente e concordo com a Política de Privacidade bem como manifesto o consentimento quanto ao fornecimento e tratamento dos dados para as finalidades ali constantes.