Connect with us

Hi, what are you looking for?

Literatura

Resenha: A Vingança Veste Prada – O Diabo está de volta, de Lauren Weisberger

Para quem ama o livro “O Diabo Veste Prada” e claro o filme homônimo, temos a nossa protagonista Andy e sua arqui-inimiga Emily de volta.

Em “A Vingança Veste Prada – O Diabo Está de Volta”, temos as personagens mais queridas e mais odiadas do primeiro livro “O Diabo Veste Prada”. Nessa história, já se passaram dez anos desde que Andy saiu da conceituada revista Runway, deixando tudo para trás.

Agora, Andy e Emily são sócias e melhores amigas – quem poderia imaginar isso! – as duas criaram uma revista de luxo e, hoje, muito bem-sucedida que fala sobre casamentos, a Plunge.

A vida de Andy e Emily mudou um pouco. Emily está casada e, no início da história, vemos que ela realmente mudou o seu comportamento. Porém, ainda deseja muito crescer no mercado, fazendo com que ela tome atitudes que Andy não aprova. Isso só prova que por mais que ela tenha mudado, não foi tanto assim. É só lembrarmos do ditado “dois pesos e duas medidas”, e é exatamente o que acontece aqui. Pois, enquanto tudo ocorria do jeito que Emily queria, as coisas andavam as mil maravilhas sem precisar fazer nenhuma interferência.

Advertisement. Scroll to continue reading.

“Você é uma mulher de 33 anos que mora em nova York há oito anos. Eu ficaria preocupada se você não visse no seu casamento alguém com quem já dormiu, tirando o seu marido”

Já Andy está prestes a se casar com um dos solteiros mais cobiçados de Nova York, o lindo Max Harrison. Sim, pessoal, ela não está mais com o seu antigo namorado. Sua vida parece estar perfeita, porém nem sempre tudo consegue ser tão perfeito assim. Andy, por exemplo, descobre que a mãe de seu noivo não concorda com esse casamento, e ela ainda tem que lidar com problemas profissionais e pessoais que a afetam muito.

No livro acontece muitas reviravoltas, alguns dramas, temos a personagem de Miranda Priestly novamente, muito mais “cordial”. Mas, não se enganem, tudo é uma estratégia para conseguir o que ela quer.

“Estava se consolando com a promessa de um café quente e talvez, só talvez, um cookie com gotas de chocolate quando de repente, em algum lugar, ouviu aquele toque. De onde estava vindo? Andy olhou em volta, mas os outros pedestres pareciam não perceber o som, que ficava mais alto a cada segundo. Br-rrring! Br-rrring! Aquele toque de celular. Ela o reconheceria em qualquer lugar enquanto vivesse, embora estivesse surpresa por ainda existirem nos aparelhos novos. Ela simplesmente não o escutava havia muito tempo, e ainda assim… tudo voltou voando. Sabia o que iria encontrar antes mesmo de puxar o celular da bolsa, mas não deixou de ficar chocada ao ver aqueles dois nomes na telinha: MIRANDA PRIESTLY.”

A escrita é bem fluida, muito fácil de ler e a história é bem envolvente. O fato é que Lauren Weisberger mais uma vez nos traz uma história que fica nas nossas cabeças, fazendo nos sentir órfãos quando o livro acaba.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Lauren Weisberger

A capa de “A Vingança Veste Prada – O Diabo Está de Volta” é um pouco diferente do conceito do primeiro livro, uma vez que temos uma capa com vermelho vibrante de fundo e o rabinho do diabo. Tudo isso para nos fazer lembrar da personagem que deu nome ao livro. E isso, é algo que não podemos deixar de comentar, uma vez que mesmo com a aparição da personagem de Miranda, ela não tem tanto destaque assim. Pois, Miranda Priestly aparece para perturbar um pouco a vida de Andy, mas faz apenas aparições. Além disso, a personagem de Miranda demora bastante a aparecer na história.

De qualquer modo o livro vale a pena ser lido. Para os fãs de “O Diabo veste Prada”, temos um pouco mais da vida de Andy, Emily e de Miranda, pois o livro nos dá uma visão geral do que ocorreu com elas nesses 10 anos que se passaram.

“É, bem, por mais que você seja uma megera maluca, ainda não chega aos pés de Miranda. Da próxima vez que um desafio”.

Reader Rating1 Vote
1.3
8
Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Leitora voraz, que faz mil e uma tarefas. Apaixonada por filmes, séries e leitura em geral. Cacheada de nascença e por amor.

Click to comment

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode ler...

Filmes

Depois do sucesso de 2019, “Era Uma Vez em… Hollywood” virou livro pelas mãos do próprio Quentin Tarantino. Para anunciar o lançamento, a Sony...

Literatura

Textos integrais traduzidos por Alexandre Barbosa de Souza, “A revolução dos bichos” e “1984” contam com prefácios adicionais do famoso escritor, além de brindes...

Entrevistas

A bibliotecária carioca Clarissa Padovani Mussoi é CEO da Códice, empresa dedicada à gestão e organização da informação para empresas de diferentes nichos. Mas...

Literatura

1º prêmio machado Darkside vai selecionar projetos inéditos que contemplam as palavras de várias formas como álbuns de música, reportagens, games, e até livros...

Advertisement