Connect with us

Hi, what are you looking for?

Listas

Alguns dos melhores filmes de 2021 que você talvez não tenha visto

O Homem que Vendeu sua Pele
Imagem: Divulgação/Pandora Filmes

Consideramos filmes que estrearam no Brasil em 2021 e não os seus anos de produção

Não é uma tarefa fácil fazer uma lista de melhores filmes que estrearam durante o ano, ainda mais neste 2021 que contou com estreias dos adiados de 2019 e 2020. Também chega a ser banal fazer uma lista com vários blockbusters que dominaram o fim deste ano. Por isso, esqueça “Homem-Aranha: Sem Volta para Casa”, “Matrix Resurrections” e “Duna”. Os filmes escolhidos aqui são os que não tiveram visibilidade merecida ou que estrearam em poucas salas. Há ainda um que passou em festivais, mas que nem chegou a estrear no circuito comercial. Vamos a eles.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Possessor

Vídeo: Divulgação/Elevation Pictures

O filme de Brandon Cronenberg, filho do mestre David Cronenberg, ainda não estreou em circuito comercial no Brasil, o que é uma pena, já que muitos espectadores deixaram de ver sua excelência audiovisual na tela grande. O suspense/terror conta a história de Tasya Vos (Andrea Riseborough), que consegue tomar o corpo de outras pessoas através de uma tecnologia secreta de uma empresa especializada em assassinatos. Ela toma conta de outros corpos para assassinar pessoas poderosas. Mostrando que puxou ao pai, Brandon não economiza no sangue e na violência estilizada. Vale a pena conferir.

Um Herói

Vídeo: Divulgação/Amazon Prime Video

Depois de um pequeno escorregão em “Todos Já Sabem”, Asghar Farhadi deixou o espanhol de lado e voltou ao Irã para dirigir mais um filme que, se não chega a ser uma obra prima como “A Separação”, é excelente em sua proposta realista. “Um Herói” conta a história é sobre Rahim (Amir Jadidi), que sai provisoriamente da cadeia onde está preso por causa de uma dívida não paga. A jornada desse homem em busca de recuperar sua honra é angustiante, principalmente porque Farhadi consegue mais uma vez criar tensão sem precisar apelar para uma trama cheia de peripécias. Basicamente, são pequenos movimentos de câmera e diálogos bem dirigidos.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental

Imagem: Divulgação/Indie Portugal

“Má Sorte no Sexo ou Porno Acidental” ficou conhecido pelos cinéfilos depois que venceu o Urso de Ouro no prestigiado Festiva de Berlim. O filme de Radu Jude é a exposição da doença de uma sociedade que persegue uma professora primária depois que um vídeo pornô amador estrelado por ela vaza na internet. Ela então é chamada para participar de uma reunião com os pais dos estudantes, mas a tal reunião acaba se tornando uma espécie de julgamento em que toda a homofobia, xenofobia e machismo da sociedade romena é exposta. Não estranhe se você achar tudo muito parecido com o nosso Brasil Bolsonarista.

Leia Também: As Melhores Séries De 2021

A Lenda do Cavaleiro Verde

Vídeo: Divulgação/A24

“A Lenda do Cavaleiro Verde” conta uma história alternativa do Rei Arthur e sua Tabula Redonda depois que o Cavaleiro Verde do título (uma criatura que parece uma árvore) invade o reino e desafia qualquer um a acertá-lo com um golpe que arranque sua cabeça. A única condição é que ele voltará no ano seguinte para devolver o golpe. Gawain (Dev Patel) aceita o desafio, o que mudará toda a sua vida. Vale a pena assistir a essa fantasia cheia de filosofia, ótima fotografia e bons efeitos visuais

O Homem que Vendeu sua Pele

Vídeo: Divulgação/Pandora Filmes

A diretora tunisiana Kaouther Ben Hania impressionou os críticos com seu criativo “O Homem que Vendeu sua Pele”, que conta a história de Sam Ali (Yahya Mahayni), um refugiado sírio que se muda para a Europa, e por causa de suas dificuldades financeiras, aceita que suas costas sejam a tela de um artista renomado. Sam então vira uma obra de arte viva e começa a ser exposto em museus. O significado da arte e os limites do capitalismo são discutidos nesse fantástico filme.

Advertisement. Scroll to continue reading.

Mate ou Morra

Vídeo: Divulgação/Hulu

Para não dizerem que há apenas filmes “de arte” na lista de melhores filmes de 2021, incluímos “Mate ou Morra”, um ótimo exemplar dos filmes B saídos do submundo de Hollywood. A divertidíssima história é sobre Roy Pulver (Frank Grillo), um ex-militar que entra em um looping temporal que o faz reviver a própria morte. Aliás, ele até consegue escapar da morte algumas vezes, mas logo depois é morto de outra forma. Entretanto, ele precisará de uma saída depois que o destino da humanidade depende da sua sobrevivência. O elenco do filme dirigido por Joe Carnahan ainda conta com Mel Gibson, Naomi Watts e Annabelle Wallis. Se você quer um sci-fi de ação divertido e bem produzido, “Mate ou Morra” é a pedida certa.

E para você, qual a produção diferentona merecia estar na lista de melhores filmes de 2021?

Advertisement. Scroll to continue reading.
Written By

Formou-se como cinéfilo garimpando pérolas nas saudosas videolocadoras. Atualmente, a videolocadora faz parte de seu quarto abarrotado de Blu-rays e Dvds. Talvez, um dia ele consiga ver sua própria cama.

1 Comment

1 Comment

  1. Pingback: Crítica: Não Olhe para Cima - Woo! Magazine

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também pode ler...

Filmes

A Paramount Pictures anunciou que o spin-off de “Um Lugar Silencioso” tem um novo diretor, depois que Jeff Nichols (“O Abrigo”, 2011) deixou o...

Crítica

Este texto possui pequenos spoilers do filme A franquia Matrix ganha um novo título que, se não chega ao status de obra prima do...

Filmes

Depois de se aventurar por “Duna”, uma das maiores ficções cientificas da história, Denis Villeneuve entrou de cabeça na adaptação de mais um clássico...

Crítica

Este texto possui Spoilers do filme Edgar Wright vem encantando os cinéfilos mais pops desde seu “Todo Mundo Quase Morto”, uma comédia sobre zumbis...

Advertisement