A Microsoft, vem pela primeira vez na Bienal do Livro para mostrar que tecnologia, literatura e educação, podem e devem caminhar juntas. Com um estande dedicado a professores e ao mesmo tempo com dinâmicas para crianças, a empresa de tecnologia apresentou ferramentas, de seus programas, que podem auxiliar crianças com necessidades especiais a aprender de forma mais prática e dinamíca a partir de tcnologias de inteligência artificial de seus programas.

“… A Microsoft usa os recursos da tecnologia para ajudar as pessoas, com necessidades especiais, a se sentirem incluídas, conseguindo ler, escrever, se comunicando com os outros e aprendendo. Dessa forma é possível para essas pessoas sonharem e transmitirem também as ideia que possam ter…” Afirmou Vera Cabral, diretora de educação da Microsoft

Toda linha de aplicativos da Microsoft foi apresentada no estande “Espaço de Leitura e Aprendizagem“, que mostrou diversas ferrametas, entre elas, algumas gratuitas que podem ser utilizadas por alunos e professores do ensino básico como auxílio nas aulas, ajudando na aprendizagem. Algumas dicas podem ser conferidas no site.


Sympla

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Dan Andrade

Cursando Produção Cultural atualmente, sempre foi apaixonado por cinema e decidiu que de alguma forma trabalharia com isso. Tendo como inspiração Steven Spielberg e suas histórias que marcaram gerações, escreve, assiste, lê e aprende, para um dia produzir coisas tão grandes e que inspirem pessoas como um dia ele o inspirou.

Previous Crítica: Adeus à Noite
Next Fluminense FM: roda de conversa resgata história da rádio na Bienal do Livro

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close