O filme é baseado em um dos assassinatos de maior repercussão no Brasil

Baseado no caso de  Suzane von Richthofen, julgada e considerada culpada pelo assassinato dos pais (Manfred Albert von Richthofen e Marísia von Richthofen) em coluio com os denominados irmãos cravinhos (Daniel e Cristian), o novo longa de Mauricio Eça com roteiro de Ilana Casoy trará duas versões da mesma história. As versões contarão os dois lados dos depoimentos dados na época, sendo um longa com o nome de “A menina que matou os pais”  baseado no depoimento de Daniel Cravinhos e “O menino que matou meus pais” baseado no depoimento de Suzana.

O filme trará no elenco Carla Diaz como Suzanne e Leonardo Bittencourt como Daniel Cravinhos. Além deles o elenco também contará com Allan Souza Lima, Leonardo Medeiros, Vera Zimmermann, Debora Duboc e Augusto Madeira.

Ambas versões chegam aos cinemas no dia 2 de abril.

Imagem: Divulgação/Galeria Distribuidora

Sinopse:

Em 2002 Suzane Von Richthofen e Daniel Cravinhos chocaram o Brasil por serem os responsáveis pelo brutal assassinato dos pais de Richthofen. Acompanhando o julgamento dos dois, o famoso caso é recontado, buscando respostas sobre o que levou os jovens a cometerem esse crime.


Imagem: Divulgação/Galeria Distribuidora

Show Full Content

About Author View Posts

Avatar
Dan Andrade

Cursando Produção Cultural atualmente, sempre foi apaixonado por cinema e decidiu que de alguma forma trabalharia com isso. Tendo como inspiração Steven Spielberg e suas histórias que marcaram gerações, escreve, assiste, lê e aprende, para um dia produzir coisas tão grandes e que inspirem pessoas como um dia ele o inspirou.

Previous Oi Futuro apresenta o MUSEHUM – Museu das Comunicações e Humanidades
Next Crítica: Jojo Rabbit

Comments

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close
Close